uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Bloco de Esquerda questiona governo sobre atentados urbanísticos

Edição de 15.02.2006 | Sociedade
A deputada do grupo parlamentar do Bloco de Esquerda, Alda Macedo, apresentou ao ministro do Ambiente um requerimento onde enumera vários “atentados urbanísticos e ambientais em Vila Franca de Xira”. O documento tem como objectivo questionar o responsável da tutela sobre se o ministério tenciona intervir na região, promovendo “a qualidade de vida da população local e a preservação do ambiente”. No requerimento a deputada aponta um conjunto de problemas urbanísticos e ambientais que se verificam no concelho e que põem em causa a qualidade de vida da população. “Os atentados à RN, RAN e ao domínio hídrico, o desrespeito pelos limites legais de ruído em muitas freguesias, entre muitos outros, são evidente e uma ameaça séria”, refere no documento. O projecto urbanístico da Nova Vila Franca é criticado por estar projectado para uma área de cheia e não respeitar o Plano de Pormenor. Também os projectos turísticos previstos para os Mouchões do Tejo são postos em causa por Alda Macedo, que os vê como um atentado a uma zona que pertence à Rede Natura 2000.A pesca ilegal de angulas, larvas de enguias, no estuário do Tejo, e a falta de resposta para a questão dos resíduos, como a falta de ETARs e o depósito ilegal de lixos, são apontados como problemas que afectam o concelho. A deputada do Bloco de Esquerda condena, ainda, a “ausência de vontade do executivo camarário” para solucionar estas questões.

Mais Notícias

    A carregar...