uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Barquinha Parque acolhe festas do município

Barquinha Parque acolhe festas do município

Sete hectares de área verde dão nova dimensão às comemorações
Edição de 07.06.2006 | Cultura e Lazer
As festas de Vila Nova da Barquinha vão este ano ter um enquadramento paisagístico especial. Com o novo parque urbano pronto a receber os festejos municipais, a festa vai estender-se pelos cerca de 7 hectares que se enquadram entre a vila e o rio, numa verdadeira alusão ao espírito ribeirinho da região.Inaugurado há menos de um ano, o Barquinha Parque, como habitualmente é denominado, surge da “necessidade de se criar um espaço de lazer onde as pessoas pudessem desfrutar da natureza e das oportunidades do rio”, explica Rui Constantino, vereador da Cultura e Desporto da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha.Com características que permitem uma utilização diversificada do espaço, o Barquinha Parque foi pensado para acolher eventos culturais e desportivos, incluindo as festas da vila, que este ano ganham uma nova dimensão.“As festas da Barquinha já eram conhecidas por se realizarem num espaço agradável, mas também muito limitado. O largo em frente ao Centro Cultural já começava a ser pequeno. Este ano temos área suficiente para realizar actividades em simultâneo e dar mais espaço às associações”, explica Rui Constantino.Apetrechado com equipamentos infantis inovadores, três quiosques, um bar- esplanada e um parque de merendas, o parque urbano de Vila Nova da Barquinha tem ainda uma ligação privilegiada com o Centro Náutico. Um cais e duas rampas de acesso ao rio permitem, segundo o vereador Rui Constantino, “colocar um barco no rio em qualquer altura do ano”, o que não acontecia anteriormente, já que, no Verão, o baixo caudal do rio não admitia estas facilidades.“Nós estamos com uma taxa de ocupação do parque muito superior às nossas expectativas, especialmente ao fim-de-semana. É um espaço agradável, que aliado às iniciativas que vão sendo desenvolvidas permite passar um bom bocado com a família”, diz Rui Constantino.O objectivo da Câmara de Vila Nova da Barquinha é dinamizar o mais possível o parque urbano, de forma a não permitir que o espaço se transforme numa área morta, resignada simplesmente à sua beleza paisagística, correndo o risco de “vir a ser uma área mal frequentada”.“O parque é um projecto de continuidade que não pode ficar por aqui. É preciso criar motivos de interesse para as pessoas aqui virem e promover actividades para toda a família. Depois da obra concluída, é preciso dar vida ao parque. Mas tem de ser um projecto com um enquadramento financeiro que a autarquia tenha capacidade de concretizar. Porque aqui pode fazer-se tudo, mas é preciso dinheiro”, adianta o vereador.Carla Paixão
Barquinha Parque acolhe festas do município

Mais Notícias

    A carregar...