uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Obesidade e doenças aparecem cada vez mais cedo

Obesidade e doenças aparecem cada vez mais cedo

Causadas pelos maus hábitos alimentares
Edição de 13.09.2006 | Especial Regresso às Aulas
O excesso de peso e os maus hábitos alimentares, ligados à ausência de um prática desportiva regular, estão a fazer com que as doenças geralmente associadas aos cidadãos mais velhos apareçam por volta dos 30 anos.A opinião é da nutricionista Maria Rita, que exerce a sua actividade em Almada e possui um ginásio em Coruche. De acordo com a clínica, está a aumentar bastante a incidência de doenças como a diabetes, colesterol e até acidentes vasculares cerebrais em jovens adultos a partir dos 30 anos. Quando, normalmente, tal só deveria suceder perto dos 60.A má alimentação dos jovens é, na sua opinião, potenciada pela visibilidade e apelo do marketing de produtos altamente calóricos, como os refrigerantes, bolos e salgados. A par dos maus hábitos que também são alimentados em casa.“Os jovens deviam beber água em vez de sumos, sandes e fruta em vez de bolos, preterir os alimentos pré-cozinhados e demasiado salgados, optarem pelos cereais em vez do pão ao pequeno-almoço. Em paralelo, e para quem não quer fazer grandes esforços, uma caminhada de meia hora diária ou actividades físicas desenvolvidas com amigos já são bons contributos em matéria de saúde”, esclarece a nutricionista. A especialista não estranha os resultados extraídos dos testes efectuados na Escola Secundária de Coruche. No seu consultório aparecem cada vez mais casos de crianças com seis e sete anos a pesar 70 quilos ou com 13 anos a pesarem perto de 100 quilos.Por isso a nutricionista defende que os jovens não devem estar parados, com o organismo a acumular calorias em frente à televisão, computador ou à consola de jogos. Maria Rita sustenta que para combater a tendência da obesidade, sedentarismo e má alimentação entre os jovens em idade escolar há que desenvolver programas para educar os alunos e pais. “Acções de formação a desenvolver nas escolas, por exemplo em Coruche, com o envolvimento de professores e pais, que muitas vezes também não dão o melhor exemplo em matéria de hábitos saudáveis em suas casas”, opina.
Obesidade e doenças aparecem cada vez mais cedo

Mais Notícias

    A carregar...