uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Coligação Mudar Vila Franca propõe redução dos impostos

Coligação Mudar Vila Franca propõe redução dos impostos

Para atrair mais pessoas e empresas

Reduzir a carga fiscal para atrair empresas e munícipes é a proposta da coligação para Vila Franca.

Edição de 13.09.2006 | Política
A coligação PSD/CDS-PP apresentou uma proposta de redução da taxa de IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis) e da derrama para o ano de 2007 no concelho de Vila Franca de Xira. Com a redução de impostos a coligação quer tornar o concelho mais atractivo para a aquisição de habitação e para a instalação de novas empresas.Para o IMI o PSD/CDC-PP propõe a redução da taxa actual de 0,8 para os 0,625 por cento para os prédios urbanos mais recentes. Para os imóveis avaliados antes da entrada do novo código de IMI, a proposta de redução é dos 0,5 por cento actuais para 0,375. Com o propósito de combater a desertificação a coligação propõe ainda a diminuição até 30 por cento da taxa do IMI nas freguesias rurais das Cachoeiras, Calhandriz e nas partes antigas das freguesias de Alverca do Ribatejo, Póvoa de Santa Iria, Vila Franca e Alhandra. Para os prédios urbanos arrendados a proposta é de 20 por cento de redução do imposto para “fomentar o mercado do arrendamento urbano”.No que toca à derrama e com o propósito de diminuir a carga fiscal às empresas propõem para o próximo ano uma redução de 25 por cento, baixando de 10 para 7,5 por cento. Pretendem assim “atrair novas empresas ao concelho”, criando “mais postos de trabalho de qualidade”.Assumida como uma das promessas eleitorais nas eleições autárquicas de 2005, a redução de impostos é vista como prioritária para a coligação Mudar Vila Franca. Consideram que a tributação máxima aplicada no concelho, que tem os impostos municipais mais elevados do país”, é “gravosa” para quem ali habita e “errada” para a captação de novos investimentos. O PSD/CDS-PP defende ainda que os “impostos municipais não podem ser vistos como meros factores de arrecadação de receita camarária”, mas “devem ser elevados à categoria de instrumentos de política económica para o desenvolvimento do concelho”. Com a redução de impostos a coligação quer também “compensar os contribuintes de Vila Franca do aumento de impostos decretado pelo Governo do PS no início da legislatura”.
Coligação Mudar Vila Franca propõe redução dos impostos

Mais Notícias

    A carregar...