uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Areias entopem esgotos numa rua de Aveiras de Cima

Areias entopem esgotos numa rua de Aveiras de Cima

Moradores garantem que avisaram a Câmara de Azambuja e reclamam prejuízos nas casas

Moradores da Rua da Arameira em Aveiras de Cima, Azambuja, queixam-se de entupimentos por causa de cano partido que está a assorear o sistema e a provocar danos nas suas casas.

Edição de 11.04.2007 | Sociedade
Os moradores de um bloco de casas da Rua da Arameira, em Aveiras de Cima, Azambuja, queixam-se que a ruptura de um dos canos do sistema de saneamento básico está a provocar entupimentos nas habitações. Vítor Pratas, 54 anos, morador numa das casas servidas pelo ramal da zona mais baixa da rua, é um dos principais afectados pela situação. “O cano partiu-se e ficou tudo assoreado”, explica o morador enquanto retira a tampa da caixa do outro lado da rua. A estrutura tem areia quase até ao cimo. O cano que desce pela valeta aberta, ladeada de terras, tem uma ruptura que deixa passar as areias para dentro do sistema. As canalizações dos moradores da rua já estão a ressentir-se. “A minha máquina de lavar já não verte água”, queixa-se o morador, ex-trabalhador da Opel de Azambuja que garante que a água fica parada na banheira quando a família toma banho lá em casa. Vítor Pratas receia que tenha que arrancar parte dos azulejos da habitação para proceder ao desentupimento. “E quem vai pagar o prejuízo?”, interroga-se.A canalização da vizinha que mora duas casas mais à frente apresenta os mesmos sintomas. Ana Cristina Henriques, 38 anos, proprietária da Quintinha dos Anjos, garante que a máquina de lavar roupa vaza água para o exterior há largos meses. “No início pensei que o entupimento fosse problema da canalização cá de casa, mas agora começo a perceber que é o ramal que está cheio de areia”, constata a moradora. Na casa de Camila Ferreira, 75 anos, o problema é mais grave e provoca a saída do esgoto pela sanita. A areia ainda não danificou as máquinas dos moradores, mas Vítor Pratas teme que o pior aconteça se nada for feito até porque o ramal é estreito. O morador garante que avisou a Câmara Municipal de Azambuja sobre o risco de entupimento, mas ainda não foi feita qualquer intervenção. Vítor Pratas tem conhecimento do projecto para a colocação de valetas e escoamento das águas pluviais na rua, mas ressalva que isso não irá resolver o problema dos entupimentos. O vice-presidente da Câmara de Azambuja, Luís de Sousa, que tem o pelouro do saneamento, diz não ter conhecimento da situação, garantindo apenas que os serviços camarários irão colocar-se ao corrente para tentar resolver a situação.
Areias entopem esgotos numa rua de Aveiras de Cima

Mais Notícias

    A carregar...