uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

CDU denuncia aterros nas margens do rio Crós-Crós

Edição de 29.08.2007 | Sociedade
Os vereadores da CDU na Câmara Municipal de Vila Franca de Xira denunciaram “novas agressões ambientais” nas margens do rio Crós-Crós, junto à Quinta do Brandão, em Alverca do Ribatejo. Os aterros nas margens do rio estão, segundo a CDU, a alterar a paisagem envolvente e a destruir o coberto vegetal essencial à preservação da estabilidade do talude.O vereador do PS na Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Francisco Vale Antunes, referiu que o problema dos aterros nas margens do rio começou em 1997, “com muitas centenas de toneladas de despejos vindas das obras da Expo 98”. Segundo o vereador, nessa altura, centenas de viaturas efectuavam despejos diários naquela zona. “Só pude levantar autos, alguns seguiram para tribunal”, frisou Vale Antunes, acrescentando que actualmente os despejos são “situações pontuais”. “A ribeira do Crós-Crós já teve intervenção do INAG e temos vindo a fazer obras por conta própria, por falta de disponibilidade do INAG”, acrescentou ainda o vereador.

Mais Notícias

    A carregar...