uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Silvino Sequeira deixa Câmara de Rio Maior

Edição de 24.10.2007 | Política
O presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Silvino Sequeira, suspendeu o mandato, tendo já assumido funções como gestor no Programa Operacional do Alentejo, para o qual foi nomeado em despacho publicado sexta-feira em Diário da República.O vice-presidente Carlos Nazaré, que assume a presidência do município, assinou já o despacho de suspensão, estando agendada para quarta-feira uma reunião de câmara, na qual serão redistribuídos os pelouros.Silvino Sequeira (PS) foi eleito pela primeira vez para a presidência da Câmara Municipal de Rio Maior em 1985, tendo suspendido o mandato no final de 1996 por um período de 11 meses, durante os quais foi governador civil do distrito de Santarém.Silvino Sequeira disse à Lusa que optou pela suspensão e não pela renúncia porque esta seria "extremamente dolorosa" e por entender que não tinha sentido fazê-lo a meio de um mandato para o qual foi eleito. O agora representante dos municípios no conselho executivo do POA tem um ano para decidir se regressa à autarquia ou se permanece nas novas funções.O POA, cujo conselho executivo conta ainda com um representante do governo e com a presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, é responsável pela aprovação das candidaturas aos fundos comunitários, e pela garantia da sua boa execução, de 58 municípios.Ressalvando o facto de o Quadro de Referência Estratégico Nacional introduzir alterações em relação aos quadros comunitários anteriores, Silvino Sequeira disse à Lusa acreditar que a sua experiência enquanto autarca lhe dá conhecimentos práticos importantes para a sua nova tarefa. Além dos municípios da CCDR-Alentejo, o POA passa a englobar os 11 municípios da Lezíria do Tejo.

Mais Notícias

    A carregar...