uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

José António Carmo, administrador Turiprojecto, Vila Franca de Xira

É importante que o aeroporto surja a grande velocidade
Edição de 17.01.2008 | Sociedade
Para José António Carmo, director da Turiprojecto, uma empresa de estudos e gestão de projectos, a decisão do Governo em construir o novo aeroporto de Lisboa em Alcochete era esperada, embora considere que qualquer das opções seriam boas para o concelho de Vila Franca de Xira devido à proximidade da região. O relevo dos terrenos era uma desvantagem da Ota que se desvanece com Alcochete. “Tem a vantagem de ser mais plano e os aviões não têm tanta dificuldade em aterrar”, compara. O empresário acredita que o Governo teve em conta apenas os estudos do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) que apontam o facto da melhor e maior operacionalidade e um orçamento financeiro menor. “É óbvio que todos os grandes projectos envolvem lobbys, mas não me parece que isso tenha sido um factor decisivo. Alcochete é realmente uma opção menos cara e é com isso que temos que nos preocupar uma vez que seremos todos nós, contribuintes, que vamos pagar a factura deste investimento”, refere.Dadas as dimensões reduzidas de Portugal a construção do novo aeroporto vai acabar por influenciar todo o país. José António Carmo aponta o aumento de emprego e a fixação de empresas como factores positivos para a região sul. Defende que é importante construir o novo aeroporto o mais breve possível uma vez que esta é uma oportunidade única. “O importante é que haja uma solução e uma alternativa ao aeroporto da Portela, em Lisboa, onde aviões de grandes potências mundiais como Estados Unidos da América ou China e Japão possam fazer escala com regularidade”.

Mais Notícias

    A carregar...