uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Os feridos das largadas de toiros

Edição de 18.09.2008 | O Mirante dos Leitores
É disto que o povo gosta diz a organização e diz muito bem. Todos nós temos os nossos gostos pessoais que deveriam ser respeitados por quem não partilha dos mesmos. seja em Samora Correia, Chamusca, Vila Franca de Xira, Azambuja, Santarém, Barrancos ou noutra localidade qualquer. Onde os toiros são paixão haverá sempre feridos que assim que tiverem as mazelas curadas voltarão para a próxima largada, tal como os forcados que saem magoados das praças. Assim que os ossos voltem ao sítio lá estarão a envergar a sua jaqueta na próxima corrida.Estes ferimentos são causados pela paixão por uma tradição que todos temos o dever de respeitar. Provavelmente se fosse modalidade olímpica traríamos medalhas. Tenho acompanhado nas notícias a preocupação de algumas organizações anti programas taurinos e cheguei à triste conclusão que estes senhores andam completamente distraídos. Quando temos inocentes a serem mortos em vários países do mundo em guerras estúpidas; quando temos milhões de crianças em África a morrerem à fome e por falta de medicamentos, é de lamentar que os toiros de lide, que são criados para esse fim, sejam a sua grande preocupação. Por muito que tentem impedir as corridas, as largadas, as picarias e outras tradições taurinas dificilmente o conseguirão e irá haver sempre feridos para tratar porque é disto que o povo gosta.Manuel Carapinha

Mais Notícias

    A carregar...