uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Autarcas apoiam casal vítima de atropelamento

Edição de 08.01.2009 | Sociedade
A Assembleia Municipal do Cartaxo aprovou a atribuição das senhas de presença da sessão de 30 de Dezembro ao casal do Cartaxo vítima de atropelamento na EN 3, em Azambuja, que motivou a amputação de pernas às vítimas. A assembleia decidiu também recomendar ao executivo municipal que atribua à família uma verba extraordinária de cinco mil euros.Apesar do consenso em torno do apoio à família as propostas chegaram a gerar alguma discussão. No caso da atribuição de senhas houve quatro abstenções (e 21 votos a favor) na votação da proposta do socialista José Gameiro. Luísa Pato (PSD) considerou a proposta com um acto de caridade e de cariz eleitoral “para se ficar bem na comunicação social”, antes apelando que a câmara acompanhe e tente encontrar um projecto de vida para o casal e filha de quatro anos. António Góis (PS), presidente da assembleia, considerou a proposta miserabilista e como uma esmola, reiterando os argumentos da social-democrata. E o mesmo género de argumentos manifestou Rogério Coito (CDU) lembrando que a Segurança Social tem nesse caso um papel importante. No caso da moção do BE, transformada em recomendação, houve 22 votos a favor. Francisco Colaço defendeu ainda na sua recomendação que se distingam como cidadãos de mérito Ana Rita Gregório e Nuno Gonçalo dos Santos pela atitude solidária que tiveram de ajuda a um condutor sinistrado e que veio a redundar no atropelamento de ambos.

Mais Notícias

    A carregar...