uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Nersant mostrou novas aplicações do sistema Intranet às empresas

O objectivo é dotar as entidades da Economia Social de ferramentas capazes de incrementar maior organização e qualidade nos serviços prestados.

Edição de 29.07.2009 | Economia
A Nersant desencadeou, durante o mês de Julho e por todo o distrito de Santarém, um conjunto de seminários com o objectivo de apresentar as novas aplicações desenvolvidas pela associação empresarial para a ferramenta que se encontra a dinamizar e promover, a Intranet para as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS). João Matos Filipe, pela sua experiência nesta área, tem colaborado com a Nersant na missão de dotar as entidades da Economia Social de ferramentas capazes de incrementar maior organização e qualidade nos serviços prestados.A Intranet para as Instituições da Economia Social é uma rede de computadores privada, em que cada instituição pode gerir e organizar de forma mais eficaz os seus serviços centrais. A agenda da instituição, pedidos de facturação, tesouraria, fichas de clientes / utentes, requisição de salas, viaturas, economato, armazém e meios audiovisuais, bem como marcação de férias / ausências e registo de formação interna, são algumas das potencialidades deste serviço, que conta agora com duas novidades. João Matos Filipe afirmou, na reunião com as empresas em Abrantes no dia 17 de Julho, que “estamos a desenvolver uma ligação directa, a partir da intranet, aos manuais técnicos de qualidade da Segurança Social”, que poderá ser testada e mostrada às empresas já em Setembro. Esta ferramenta será de grande ajuda, completou João Filipe, uma vez que tudo aquilo que será feito em relação ao utente, será registado de acordo com os parâmetros da Segurança Social. Outra das novidades do Intranet, e que a Nersant já começou a desenvolver, tem a ver com o registo da correspondência.O acesso ao portal foi ainda referido como uma mais-valia a acrescentar à Intranet. Esta permite que cada utilizador possa colocar informações da sua instituição no portal, que entenderem que deve ser do conhecimento público. O utilizador pode, entre outras coisas, adicionar vagas, ofertas de emprego, bem como completar a sua ficha com moradas e contactos e até georreferenciar-se. Na reunião de Abrantes, João Matos Filipe apelou às empresas presentes, para que “dessem sugestões de melhoria do projecto”, uma vez que o objectivo máximo é “corresponder, a nível informático, às necessidades que as empresas sentem no terreno”. A Intranet, concluiu, “é uma forma de as empresas se organizarem no seu interior, mas também uma forma de se dar a conhecer ao exterior.”Por enquanto, todas as entidades interessadas em experimentar esta ferramenta, podem fazê-lo, sem qualquer custo ou compromisso de adesão, bastando para tal contactar o Departamento de Sistemas de Comunicação e Informação da Nersant (dsci@nersant.pt).

Mais Notícias

    A carregar...