uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Padre Paulo Figueira vai deixar Centro Social e Paroquial de Alcoentre

Edição de 24.09.2009 | Sociedade
O presidente da direcção do Centro Social e Paroquial de Alcoentre, Padre Paulo Figueira, vai abandonar o cargo no próximo dia 11 de Outubro. A saída do pároco de Alcoentre, segundo Luís de Sousa, tesoureiro da direcção do centro, que é também vice-presidente da Câmara Municipal de Azambuja, não tem qualquer relação com a notícia avançada por O MIRANTE, na última edição, que dava conta das graves dificuldades financeiras da instituição, nomeadamente uma dívida de 60 mil euros à Segurança Social. “É uma coincidência. Todos os anos há troca de padres e este está em Alcoentre há nove anos”, refere Luís de Sousa adiantando que o pároco irá dar continuidade ao seu trabalho em S. Pedro do Estoril. Para o seu lugar vem Tiago Neto, padre que vai herdar uma situação complicada no centro paroquial. A câmara apoia a instituição, mas Luís de Sousa esclarece que, dos 64 mil euros que o centro recebeu no primeiro semestre de 2009, “mais de 26 mil euros dizem respeito à prestação anual do protocolo que existe com a Câmara Municipal de Azambuja para pagamento do mobiliário do Centro de Dia. Sete mil é o valor do subsídio entregue anualmente e de que o centro beneficia na totalidade, já que o resto são pagamentos das refeições e transportes da acção social escolar”, esclarece.

Mais Notícias

    A carregar...