uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Assembleia de Credores da Cimianto foi adiada para 27 de Novembro

Assembleia de Credores da Cimianto foi adiada para 27 de Novembro

Edição de 05.11.2009 | Sociedade
A Assembleia de Credores da Cimianto, que estava prevista para sexta-feira, foi adiada para 27 de Novembro, numa tentativa de se ganhar tempo para encontrar uma solução económica para viabilizar a empresa localizada em Alhandra (concelho de Vila Franca de Xira) que fabrica coberturas e isolamentos para a construção civil, disse fonte sindical.“A assembleia foi adiada porque ainda não há uma solução económica para a empresa e está a tentar-se encontrar uma solução entre os bancos que são credores da empresa”, disse Luís Santos, do Sindicato da Indústria de Cerâmica, Cimento e Vidro e representante dos trabalhadores da Cimianto na comissão de credores.A primeira, e até agora única, Assembleia de Credores da Cimianto realizou-se no início de Setembro e aprovou uma proposta que previa a continuação da actividade da empresa, embora o reinício da produção dependa de um empréstimo bancário de cerca de 2,5 milhões de euros. “A Cimianto precisa de retomar em breve a laboração, mas isso depende do crédito bancário”, afirmou o representante dos trabalhadores.Os trabalhadores da Cimianto continuam a comparecer ao trabalho todos os dias, apesar de estarem a receber os salários com algum atraso e da produção da empresa estar parada há cerca de cinco meses, porque ainda têm esperança de manter os empregos.A administração da Cimianto pediu a insolvência da empresa a 26 de Maio, que viria a ser decretada pelo tribunal no princípio de Junho e pouco depois foi suspensa a produção. Dos 87 trabalhadores da Cimianto, 10 optaram entretanto por suspender o contrato de trabalho.
Assembleia de Credores da Cimianto foi adiada para 27 de Novembro

Mais Notícias

    A carregar...