uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Forte da Casa comemorou elevação a vila e distinguiu personalidades

Forte da Casa comemorou elevação a vila e distinguiu personalidades

Junta de freguesia quis reconhecer o esforço de quem trabalha em prol da terra

No dia em que a freguesia do Forte da Casa assinalou o 21º aniversário de elevação a vila a junta local distinguiu, pelo quinto ano consecutivo, aqueles que mais se notabilizaram nas áreas artística e cultural, associativa, comunitária, autárquica e comercial.Jorge Afonso da Silva

Edição de 07.07.2010 | Sociedade
As quatro jovens e a professora da Escola Secundária do Forte da Casa, concelho de Vila Franca de Xira, que fizeram capa na edição de O MIRANTE de 27 de Maio, foram distinguidas pela junta de freguesia local com a Placa de Mérito Artístico e Cultural, durante as comemorações dos 21 anos de elevação do Forte da Casa a vila.Raquel Marques (16 anos), Inês Bico (15), Fátima Nobre (15), Soraia Azinheira (16) e a docente Susana Martins viram assim reconhecido o feito de terem ganho o concurso europeu “Desenha-me um Direito”. O cartaz das jovens foi o vencedor, na faixa etária dos 15 aos 18 anos, em que estiveram a votação 3895 trabalhos, representando os direitos das crianças, entre os participantes dos 27 Estados membros da União Europeia.A sessão solene decorreu ao ar livre, na noite quente de quarta-feira, 30 de Junho, junto ao edifício da junta de freguesia, com a presença de dezenas de espectadores.O coronel do exército, José Custódio Madaleno Geraldo, recebeu a Medalha de Mérito Artístico e Cultural pela forma como participou e coordenou a limpeza dos fortes das Linhas de Torres Vedras, nos concelhos de Mafra e Vila Franca de Xira, nomeadamente nas freguesias de Alhandra e Forte da Casa.A Medalha de Mérito Comunitário foi entregue a três professores aposentados. Romeu Farinha Gil começou por dar aulas em Santarém, Calhandriz e Lisboa. Mais tarde rumou à freguesia do Forte da Casa onde leccionou e foi director da escola primária até 2006. Brilhantina Ascensão Oliveira veio residir para a freguesia em 1981, ano em que começou a leccionar na escola primária, até 2002. Albino Carvalho Barroso, natural da freguesia vizinha da Póvoa de Santa Iria, é Engenheiro Técnico e Electromecânico e possui a licenciatura em Animação Sociocultural. Trabalhou nas OGMA durante 11 anos, tendo depois leccionado matemática em Alverca. Antes de se aposentar deu aulas da mesma disciplina na Escola Secundária do Forte da Casa.A Medalha de Mérito Autárquico distinguiu Maria José Gracias Gaspar Dias pelos 10 anos de serviço. Natural de Bemposta, Abrantes, após a criação da freguesia do Forte da Casa foi admitida para trabalhar na área da limpeza dos serviços administrativos. Desde 2001 que integra o quadro de pessoal da junta, exercendo funções de auxiliar de serviços gerais.A equipa de Futsal de juniores da União Desportiva e Cultural do Forte (UDCFC), campeã da 2ª divisão distrital, e os karatecas Ruben Alexandre Viegas Pereira e Mariana Lopes Araújo, – ambos campeões nacionais da Associação Shotokan Karaté de Portugal – pertencentes à mesma colectividade, receberam Placas de Mérito Associativo. Foram ainda entregues a quinze comerciantes locais a Medalha de Mérito Comercial.A iniciativa foi implementada há cinco anos pelo actual executivo da Junta de Freguesia do Forte da Casa. “Há um conjunto de pessoas e empresas que ao longo destes anos foram dando nome à própria freguesia e vila. É uma forma de reconhecer o seu mérito e trabalho”, disse António José Inácio. A sessão solene encerrou com a actuação da Banda Filarmónica do Grémio Povoense.
Forte da Casa comemorou elevação a vila e distinguiu personalidades

Mais Notícias

    A carregar...