uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Futuro nó do Sobralinho vai garantir acesso directo à A1

Futuro nó do Sobralinho vai garantir acesso directo à A1

Trabalho de campo vai arrancar depois da PSP ter emitido o parecer

A ligação directa do Sobralinho à auto-estrada do Norte vai fazer-se por uma via que será construída sobre a A1. O estudo encomendado pela Câmara Municipal de Vila Franca de Xira vai avançar depois de um atraso no parecer pedido à PSP.

Edição de 14.07.2010 | Sociedade
A população do Sobralinho, no concelho de Vila Franca de Xira, vai ter um nó de acesso directo à auto-estrada do Norte que vai fazer-se através de um viaduto sobre a A1 para acesso a norte e sul. “A Brisa mostrou-se finalmente disponível para dialogar sobre este assunto”, revelou o vice-presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita (PS), na sessão solene da assembleia de freguesia no âmbito do aniversário dos 25 anos do Sobralinho.A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira encomendou um estudo sobre a matéria. As conclusões deveriam ter sido conhecidas em Abril, mas a demora da PSP em emitir o parecer sobre o assunto, que entretanto já foi entregue, acabou por atrasar o processo.Alberto Mesquita lembra que para efectuar o estudo a empresa precisa da colaboração da PSP para interpelar os automobilistas. “A PSP só agora deu ajuda para que o trabalho de campo fosse possível”. O MIRANTE contactou a PSP sobre o assunto, mas até ao fecho da edição a polícia não emitiu qualquer comentário.O presidente da Junta de Freguesia do Sobralinho, José Manuel Peixeiro (PS), considera que a obra é urgente na freguesia todos os dias atravessada por automobilistas que entram na vila para evitar o trânsito da movimentada Estrada Nacional 10. “É uma situação que tem que ser resolvida. A estrada nacional está saturada”, reforça o vice-presidente da câmara municipal.Para financiar o projecto a câmara conta com o envolvimento de parceiros privados. No âmbito das intervenções urbanísticas que estão previstas na zona a autarquia vai negociar a construção do acesso como compensação.O futuro nó do Sobralinho terá ligação à circular urbana de Alverca cujo traçado definitivo ainda está por definir. O mais provável, face à posição da Força Aérea Portuguesa (que não cede os terrenos das actuais instalações para a construção do troço) é que a variante se inicie na rotunda do Jumbo de Alverca e siga depois a poente da linha-férrea. Solução com mais custos a nível social já que obrigará ao realojamento de 22 famílias, como O MIRANTE noticiou em Abril de 2010.
Futuro nó do Sobralinho vai garantir acesso directo à A1

Mais Notícias

    A carregar...