uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Remodelação do principal jardim de Vila Franca vai custar um milhão de euros

Remodelação do principal jardim de Vila Franca vai custar um milhão de euros

Projecto de execução já foi aprovado e inclui construção de quiosque e miradouro

Uma das principais imagens de marca da cidade vilafranquense, o jardim Constantino Palha, vai mudar de visual. Vão arrancar em Abril obras no valor de um milhão de euros que incluem construção de um quiosque e miradouro. O projecto de execução já foi aprovado pelo executivo municipal.

Edição de 26.01.2011 | Sociedade
Um novo quiosque com esplanada e um miradouro em altura são os principais destaques das obras de remodelação do jardim municipal Constantino Palha, na cidade de Vila Franca de Xira, obras que vão custar 1 milhão e 250 mil euros.O projecto de execução foi aprovado na última reunião pública do executivo por unanimidade e as obras deverão arrancar a partir do mês de Abril, com um prazo de execução de quase quatro meses e meio. O jardim municipal Constantino Palha está integrado no núcleo central do centro histórico de Vila Franca de Xira e é uma das principais portas de entrada na cidade para quem utiliza a linha de comboio. A intervenção a realizar insere-se no plano mais vasto de requalificação de toda a frente ribeirinha da cidade, entre a antiga fábrica do arroz e o bairro dos avieiros. A empreitada de remodelação do jardim está agora em concurso público.As duas principais novidades de toda a obra, além de pequenos arranjos exteriores no jardim, serão um quiosque e um miradouro, edificações que se destinam a apoiar a vida dos futuros utilizadores do jardim. O quiosque vai nascer com uma esplanada de utilização livre, que ficará situado na charneira entre a zona recuperada e a zona alterada do futuro jardim, privilegiando a vista sobre o rio Tejo. “O quiosque pretende ser um estabelecimento cuja actividade principal será o fornecimento de bebidas, mas poderá ter a valência de fornecimento de comida previamente confeccionada (pastelaria ou gelados, por exemplo), funcionando apenas como um apoio para a zona de lazer da esplanada e não o contrário”, lê-se na memória descritiva do projecto. Os materiais usados na construção do quiosque serão sobretudo o metal, policarbonato e madeira. A esplanada será composta por três zonas, uma coberta e abrigada do vento por uma cortina de vidro amovível, uma zona coberta e outra zona completamente descoberta.Além do quiosque vai nascer no Constantino Palha um miradouro em altura, que proporcionará uma “vista de pássaro” sobre o rio, elevando-se sobre a marina para ver o Tejo. Além da altura o espaço vai incluir uma zona de arrumos e sanitários e apresenta-se como o principal núcleo de lazer do jardim. O projecto agora aprovado visa um “equilíbrio formal e funcional entre a utilização de materiais de cariz tecnológico e contemporâneo na construção do edificado”, segundo o mesmo documento. Apesar da introdução destes dois novos espaços de lazer a intervenção pouco mais irá mudar no desenho do actual Constantino Palha. Segundo a câmara municipal de Vila Franca de Xira a ligação da cidade ao rio será o principal objectivo da intervenção. No final de 2010 já arrancou a requalificação do cais ribeirinho da cidade, obra que tem por objectivo remodelar toda a zona e devolver o espaço aos peões, numa empreitada que deverá ficar concluída nos próximos meses.
Remodelação do principal jardim de Vila Franca vai custar um milhão de euros

Mais Notícias

    A carregar...