uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Idoso de Alverca que estava desaparecido foi encontrado morto

Edição de 03.08.2011 | Sociedade
O homem de 75 anos, de Alverca, que estava desaparecido desde 25 de Julho, foi encontrado morto três dias depois, por volta das 20h00 perto do Mouchão da Póvoa de Santa Iria, concelho de Vila Franca de Xira. O idoso deslocou-se de carro na noite de domingo, 24 de Julho, para a zona ribeirinha conhecida como “cais do macole”, situado entre o Sobralinho e Alhandra. A família deu pela sua falta por volta das 05h00 de segunda-feira tendo começado de imediato as buscas. Depois de identificarem o carro de Manuel Ferres estacionado perto da zona, a família contou com a ajuda da PSP para continuar a procurar no terreno. A Polícia Marítima viria a descobrir o corpo de Manuel Ferres três dias depois. De acordo com fonte da polícia a zona está cheia de caniçais e existem alguns poços escondidos que poderão ter provocado a queda do idoso. O cais não tem qualquer tipo de vigilância e para lá chegar é preciso passar a linha do comboio que não possui passagem de nível. Existem alguns edifícios degradados que, segundo alguns trabalhadores das imediações, costumam servir de abrigo para toxicodependentes à noite. Era nesta zona que o idoso costumava pescar. Durante a semana passava também muito tempo junto à zona ribeirinha de Alhandra. “Estacionava o carro e ficava a apanhar sol dias seguidos. Sempre me pareceu uma pessoa sem qualquer tipo de problemas e acredito que tudo não tenha passado de um acidente”, revelou um pescador. Manuel Ferres trabalhou como ferreiro na extinta Argibay, uma empresa de construção e reparação naval, sediada em Alverca.

Mais Notícias

    A carregar...