uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Presidente da Junta de Vialonga desafia população a virar-se contra a câmara

Edição de 19.06.2012 | Sociedade
Os moradores da Quinta das Índias e da urbanização da Flamenga, em Vialonga, estão a ser desafiados pelo presidente da Junta de Freguesia, José António Gomes (CDU), a protestarem na Câmara de Vila Franca de Xira contra o estado de abandono em que se encontram as duas urbanizações. Ambas foram concluídas há mais de uma década mas ainda não foram recepcionadas pelo município. Continuam por realizar os trabalhos de repavimentação das vias, marcação de passadeiras e lugares de estacionamento e limpeza do mato, que chega a ter uma altura de meio metro. A junta de freguesia tem recebido queixas e cansada de reencaminhar os casos para a autarquia e não ver melhorias, optou agora por movimentar a população e decidiu distribuir um folheto pelas caixas de correio. No qual se apela a que cada um apresente uma queixa na câmara municipal. “Numa altura em que, mais uma vez, os moradores cumpriram o seu dever de pagar o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), a junta de freguesia de Vialonga exige que a câmara municipal cumpra o seu dever e termine as obras necessárias”, pode ler-se no folheto. No papel da junta de freguesia diz-se ainda que “como ainda não atingimos os nossos propósitos, a junta apela a que todos os moradores façam chegar o seu descontentamento à câmara, para que, todos juntos, possamos exigir uma solução rápida que assegure o direito à qualidade de vida de todos os que decidiram morar nestas urbanizações”.Recentemente a presidente da Câmara de Vila Franca de Xira, Maria da Luz Rosinha (PS), afiançou numa das reuniões públicas do executivo que o problema não está esquecido. Mas ressalvou que se aguarda por um melhor cenário económico que possibilite a obtenção das verbas necessárias para concluir as obras em falta em cada uma das urbanizações. A solução tem passado por realizar intervenções faseadas, como tem acontecido com o parque urbano da urbanização da Flamenga.

Mais Notícias

    A carregar...