uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Serviços públicos facilitam a vida a quem faz ilegalmente trabalhos que competem a advogados e solicitadores

Edição de 17.04.2013 | O Mirante dos Leitores
Estou inscrita na Câmara dos Solicitadores há cerca de 28 anos. Sou também licenciada em Direito, pela Faculdade de Direito e ouço falar neste tema há muitos e longos anos, tema sempre debatido mas nunca produzindo os seus efeitos legais. Lamento que nós profissionais credenciados, se nos esquecermos de uma assinatura ou de uma procuração estejamos sujeitos a que nos interponham uma acção e que a essa gente nada aconteça. Nunca entendi isso muito bem. Cheguei há já algum tempo à conclusão de que não vale a pena queimar pestanas a tirar cursos assim como também não valerá a pena estar inscrita em Ordens a pagar quotas e Caixa de Previdência, isto para não falar nos impostos ao Estado. Por tudo isto o melhor será andar pela clandestinidade, ou não será? Dou-vos os parabéns pela boa vontade mas não sei se terão muito êxito, pois quando o Estado não age, quem o poderá fazer?Drª.Filomena Alves

Mais Notícias

    A carregar...