uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
“Chá de Rainhas” angariou mil euros para a Casa da Criança de Fátima

“Chá de Rainhas” angariou mil euros para a Casa da Criança de Fátima

Edição de 15.01.2014 | Cultura e Lazer
Está mais perto da realidade o desejo de oferecer um novo parque infantil aos meninos e meninas da Casa da Criança, uma instituição particular de solidariedade social (IPSS) de Valinho de Fátima, Ourém. É para ajudar à recuperação deste equipamento que se destinam os mil euros angariados no “Chá de Rainhas”, iniciativa que juntou 250 senhoras na tarde de sábado, 11 de Janeiro, no Hotel Santa Maria, em Fátima. A iniciativa excedeu as expectativas da dinamizadora do encontro, a deputada do PSD eleita pelo distrito de Santarém, Carina João Oliveira, que se estreou na organização de um evento de carácter solidário, resumindo a experiência como maravilhosa.“Já tenho colaborado com outras instituições e lembrei-me que podia ser mais útil o envolvimento da sociedade na vida destas instituições”, referiu. A deputada considera “ser muito gratificante” poder fazer parte do colectivo da cidade e das instituições de um concelho de onde é natural e ajudar uma instituição que trabalha com crianças. “Já (Jean) Monet dizia que nada se faz sem os homens, mas nada perdura sem as instituições. O mais importante é saber que as instituições pertencem ao colectivo e não as deixar morrer“, atestou.Nelson Mota, tesoureiro e representante da Casa da Criança, explica que a IPSS funciona num edifício cedido pela junta de freguesia e que acolhe, neste momento, 75 crianças no jardim-de-infância e 56 crianças na creche familiar. O responsável explicou que as dificuldades derivam do facto de terem cada vez menos crianças inscritas nas suas valências. “Embora as mensalidades não sejam aumentadas há dois anos, os pais têm dificuldades em pagar as mensalidades a tempo e horas”, exemplifica. A Casa da Criança, refere, “tem vindo a construir gerações” pelo que iniciativas destas são sempre bem-vindas. “Este dinheiro vai servir para recuperar o nosso parque infantil. Queremos colocar umas árvores, uma cobertura para a chuva e dotá-lo de todas as condições de segurança”, referiu, acrescentando que o orçamento da obra ronda os doze mil euros.Para além dos chás de pilriteiro, alecrim, poejo e tomilho limão oferecidos pela Associdaire - Associação de Melhoramentos da Maxieira, Casalinho e Casal Farto, servidos durante toda a tarde sempre com a mesma simpatia por Clara Gaspar, na mesa foram colocados bolos, compotas e licores. O evento contou ainda com alguns apontamentos musicais do Conservatório de Fátima/Ourém e com a presença de algumas meninas da Casa Cor de Rosa, uma instituição que acolhe crianças em situação desfavorecida.
“Chá de Rainhas” angariou mil euros para a Casa da Criança de Fátima

Mais Notícias

    A carregar...