uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Atraso dos bombeiros de Alpiarça na resposta à sirene averiguado pela autarquia

Edição de 15.01.2014 | Sociedade
Alguns elementos dos Bombeiros Municipais de Alpiarça não responderam à chamada da sirene pelo menos em duas ocorrências recentes, atrasando o socorro. Um dos casos aconteceu durante um incêndio urbano, o que obrigou a que a sirene do quartel tivesse que tocar duas vezes porque alguns operacionais não apareceram após a primeira chamada. A situação foi denunciada em reunião de câmara pelo vereador independente Francisco Cunha e confirmada pelo presidente da autarquia.Mário Pereira (CDU) explicou que os serviços jurídicos da autarquia já abriram um processo de averiguações para apurar o que se passou e responsabilizar quem não ocorreu à chamada da sirene. “Houve uma ou outra situação recente em relação à prontidão de elementos que não estão de serviço, após o toque da sirene. Vamos apurar responsabilidades porque queremos continuar a manter a qualidade do funcionamento dos bombeiros”, justificou Mário Pereira.

Mais Notícias

    A carregar...