uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Subintendente António Pinto Aires diz que a polícia não pode ser vista como a má da fita

Edição de 22.01.2014 | O Mirante dos Leitores
É com agrado que leio uma notícia de um verdadeiro elemento da PSP deste país. Para esta corporação deve ser um orgulho ter um dirigente que diz o que lhe vai na alma, é com certeza uma pessoa que vive o seu trabalho como uma missão. Confessa os seus anseios, revela as suas necessidades e expõe o seu ser sem os receios bacocos de ser censurado. É pena que o “politicamente correcto” seja sempre o discurso permitido neste país! Neste momento as forças policiais estão a fazer uma travessia do deserto com a complacência dos altos dirigentes de um país completamente desmotivado, sem rumo nem princípios. Mal de nós quando as forças de segurança lutam para serem respeitadas e sobrevivem sem meios e recursos para exercerem o seu mandato! Bem haja António Manuel Pinto Aires pela coragem e empenho que demonstra ter, quando se entrega deste modo à sua missão! Manuela SousaSó vejo legisladores preocupados com os direitos dos suspeitos de crimes. Gostaria que a preocupação fosse a mesma quando se legisla sobre direitos dos elementos das forças de segurança. O sentimento de insegurança do cidadão comum e o sentimento de impunidade dos marginais e criminosos resultam dessa situação.Rodolfo Guedes Martins

Mais Notícias

    A carregar...