uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Utentes de Ourém obrigados a fazer fisioterapia em Tomar e Torres Novas

Edição de 22.01.2014 | O Mirante dos Leitores
A directora executiva do Agrupamento de Centros de Saúde ou não sabe nada da vida ou não quer saber. Nem todas as pessoas têm transporte próprio. Mesmo as que têm transporte próprio por vezes não podem conduzir por causa dos problemas físicos de que padecem. Não há transportes públicos em horários compatíveis para ir às sessões. As deslocações custam dinheiro. Obrigar as pessoas a irem para longe de casa quando há clínicas ao pé de suas casas que têm acordos com a Administração Regional de Saúde é apenas uma forma de penalizar os doentes. Esta falta de bom senso e este desprezo pelas pessoas é mais grave que a falta de meios no sector da saúde. Mafalda Espinheiro GomesOk, senhora Theriaga. E como é que os doentes se deslocam? Quem paga o transporte? Entre Ourém e Torres Novas e /ou Tomar há transportes públicos a condizer com horários que permitam essas deslocações?Manuel GraçaA senhora directora executiva do ACES do Médio Tejo, ou quem a manda fazer o que faz, devia vir ao concelho de Ourém ver a realidade e ajuizar sobre a aplicabilidade da tal circular aos habitantes deste concelho. Caso as coisas continuem como no último ano, parece que os utentes terão que começar a recorrer aos tribunais em vez de ir ao centro de saúde.João da Costa

Mais Notícias

    A carregar...