uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
O jovem que se apaixonou pela literatura

O jovem que se apaixonou pela literatura

Edição de 22.01.2014 | Primeiro Plano
João Fernandes acredita que não há uma idade propícia para dar largas à imaginação e enveredar pela literatura. Com 16 anos começou a escrever o livro “Povo Que Lavas no Rio”. Agora com 22, apresentou-o ao público na Biblioteca Municipal de Alverca. O jovem de Vila Franca de Xira conta que para escrever o romance teve que se ausentar da sua vida social. “Às vezes penso que não fui eu que escrevi o livro”. João cresceu com o livro e o livro foi-se tornando adulto com ele. Faz parte da sua vida. A obra, que esteve mais de cinco anos à espera de ser publicada, fala sobre uma história de amor entre dois fadistas e procura reflectir na relação o clima social desta época. “É um romance psicológico, muito introspectivo. Uma carta de amor com mais de 400 páginas”, esclarece João que se licenciou em Ciências Políticas e Relações Internacionais na Universidade Nova de Lisboa. Apesar de não ter seguido esta via académica, o jovem sempre se interessou por literatura e passa grande parte do seu tempo a ler os clássicos. Diz que nos livros podemos viajar mais do que em qualquer outro lado. Para já não pensa em redigir outra história, apesar de escrever diariamente num blog que criou recentemente. Continua a estudar e faz teatro amador, outra das suas paixões. Mike Marques
O jovem que se apaixonou pela literatura

Mais Notícias

    A carregar...