uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Detectadas facturas antigas na Câmara de Tomar no valor de 3,8 milhões de euros

Edição de 14.05.2014 | Política
A presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas (PS), informou o elenco camarário na reunião de 12 de Maio que foram detectados cerca de 3, 8 milhões de euros em facturas que se encontravam “espalhadas” por diversos serviços camarários e ainda não tinham sido inseridas no sistema contabilístico. Anabela Freitas, que assumiu a liderança da autarquia após derrotar o candidato do PSD e presidente da câmara, Carlos Carrão, nas eleições de 29 de Setembro de 2013, explicou que algumas das facturas remontam a despesas efectuadas em 2008. A autarquia vai solicitar uma reunião com o Ministério das Finanças para tentar encontrar uma solução. Recentemente, a autarquia tinha pedido uma auditoria da Inspecção Geral de Finanças, estimando a existência de facturas não contabilizadas no valor de 200 mil euros. Depois de uma verificação mais cirúrgica pelos vários serviços camarários foram detectadas mais facturas, totalizando 3,8 milhões de euros.

Mais Notícias

    A carregar...