uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Vinho da Quinta do Arrobe com Medalha de Ouro no “Concours International des Cabernets”

“5º Elemento” é produzido em Casével, Santarém, numa propriedade da família Gaspar
Edição de 16.07.2014 | Economia
A Quinta do Arrobe ganhou a Medalha de Ouro dos melhores Cabernet’s Sauvignon, no concurso Internacional dos Cabernets 2014, entre 229 concorrentes de 19 países, com o vinho 5º Elemento-Cabernet Sauvignon.A Quinta do Arrobe, situada em Casével, Santarém, é uma propriedade familiar, dirigida por Maria e Alexandre Gaspar, com forte vocação exportadora que se dedica à produção de vinhos. A ligação da família ao sector vinícola teve início em 1882, resultando de uma tradição de várias gerações. O processo de internacionalização iniciou-se em 2007 e neste momento a Quinta do Arrobe já regista presença em 10 mercados, nas gamas Premium e Superpremium, que são exportadas para países como a Alemanha, Brasil, Luxemburgo, República Checa, Noruega e China.“Este prémio é o reconhecimento da qualidade produzida na Quinta do Arrobe e do enorme potencial dos vinhos da região Tejo no mercado internacional”, diz Alexandre Gaspar. Esta não foi a primeira medalha recebida. Os vinhos “5º Elemento “ em monovariatais das castas Syrah e Cabernet Sauvignon foram medalhas de prata e bronze em 2014 pelo Challenge du Vin. Para conseguir melhores resultados Alexandre Gaspar vindima à noite ou de madrugada e a vinificação decorre em lagares de inox. Todo o processo é feito de forma tradicional mas recorre às novas tecnologias quando é essencial “trabalhamos o máximo por gravidade e o mínimo com recursos de bombas”.Entre terrenos próprios e alugados a Quinta do Arrobe tem 36 hectares de vinha com uva tinta e branca. Estão a apostar em recuperar castas antigas da região como o Preto Martinho. A Touriga Nacional, Trincadeira, Syrah, Cabernet Sauvignon e Merlot fazem parte das castas tintas o Fernão Pires e Arinto nos brancos, ajudam a produzir os vinhos conhecidos com as marcas “Sensato”, “Oculto” e “5º Elemento”. Os vinhos estão à venda em lojas da especialidade, restaurantes ou na quinta.

Mais Notícias

    A carregar...