uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Solistas da Metropolitana de Lisboa vão dar música na Fábrica das Palavras até Junho

Solistas da Metropolitana de Lisboa vão dar música na Fábrica das Palavras até Junho

Músicos vão interpretar peças de uma dezena de compositores clássicos e modernos
Edição de 29.10.2014 | Sociedade
Entre 1 de Novembro e 6 de Junho do próximo ano os visitantes da nova biblioteca de Vila Franca de Xira vão poder assistir a uma dezena de concertos com os solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa.Usando violino, violoncelo, trompa, oboé, fagote, clarinete, cravo e piano, os músicos vão interpretar peças de compositores clássicos e modernos. A primeira sessão, marcada para as 17h00 de sábado, 1 de Novembro, contará com obras de Khan e Brahms. Mas haverá ainda espaço para Fauré, Franck, Choupin, Beethoven, Debussy, Ravel, Shubert, Saint-Saens, Jolivet, Poulenc, Chouperin e Bach. As entradas para os concertos são livres mas limitados à lotação do espaço.Na conferência de imprensa de apresentação do programa, António Mega Ferreira, director executivo da Associação Música, Educação e Cultura (AMEC), que tutela a Metropolitana, disse ser “o reatar de uma boa relação com Vila Franca de Xira” e mostrou-se esperançado de, no próximo ano, trazer toda a orquestra a actuar na cidade. “Devia haver um piano em todas as casas e instituições deste país. Infelizmente é raro tocarmos num local que tenha um piano de concerto. Na inauguração da biblioteca quando vi o piano pensei: temos de tocar aqui”, disse.O presidente do município, Alberto Mesquita (PS), espera uma forte adesão do público aos concertos e notou a sua importância para dinamizar a cidade e o novo equipamento cultural que inaugurou recentemente. “Tenho a certeza que será um sucesso e a metropolitana já nos deu provas da sua excelência e da sua qualidade”, frisou. O autarca elogiou também o papel da Central de Cervejas, empresa parceira da iniciativa, pelo trabalho social que tem desenvolvido no concelho. Nuno Pinto Magalhães, representante daquela entidade, assegurou que a empresa já investiu mais de um milhão de euros em instituições e obras sociais do concelho, incluindo na orquestra de Vialonga, e que essa “é e continuará a ser” uma missão da empresa.Os concertos dos solistas da metropolitana estão marcados para os dias 1 e 15 de Novembro, 13 de Dezembro, 24 de Janeiro, 7 e 28 de Fevereiro, 28 de Março, 11 de Abril, 16 de Maio e 6 de Junho.
Solistas da Metropolitana de Lisboa vão dar música na Fábrica das Palavras até Junho

Mais Notícias

    A carregar...