uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Atleta de Almeirim participa numa das mais duras provas de BTT no Chile

Pedro Bento tem um projecto pessoal de fazer as 10 mais exigentes competições do mundo
Edição de 20.01.2016 | Desporto
Quando acabar uma das provas mais duras do mundo em BTT, este mês no Chile, Pedro Bento, de Almeirim, vai ter menos 10 quilos de peso. O atleta da Ribabike, professor de natação e treinador da secção de ciclismo dos 20kms de Almeirim, anda há meses a treinar e a ter uma alimentação leve, à base de saladas, para que na altura da competição o peso não pese no desempenho. Pedro, 37 anos, há uns tempos que definiu como projecto pessoal fazer as 10 mais duras provas de BTT. O atleta já esteve na Costa Rica, Canadá, Itália e agora vai ao Chile, onde começa a competir no dia 25 de Janeiro, numa das maiores cordilheiras mundiais. São seis etapas numa média de perto de seis horas a pedalar, sempre a subir. No final, se acabar a prova, terá feito cerca de 400 quilómetros, em condições difíceis a começar pelas temperaturas. De dia os termómetros marcam entre 20 a 30 graus e à noite o mercúrio desce para os cinco graus, às vezes até menos. Nas montanhas não há quartos de hotel e no final de cada etapa fica instalado em tendas fornecidas pela organização. Pedro Bento está sozinho, sem equipas de apoio, sem mecânicos, sem familiares. Às costas em cada etapa vai carregar cerca de dois quilos de alimentação, peças sobressalentes, ferramentas e bomba de ar para encher as rodas. Dois quilos têm influência no rendimento mas o atleta não tem condições, como outros atletas internacionais, de ter uma equipa de apoio. No final de cada etapa, antes de ir descansar, ainda tem de lavar e afinar a bicicleta. Depois toma banho e vai receber massagens. Nestas provas, Pedro compete com profissionais e atletas e ex-atletas olímpicos. O importante para ele não é a classificação mas superar o desafio e terminar a prova. Não há muitos portugueses nestas aventuras. No ano passado, na prova de Itália, encontrou cinco portugueses. Ele e mais dois conseguiram terminar a prova e foram os primeiros portugueses a atingir o feito naquele país. Ao Chile vão mais dois portugueses, um de Torres Vedras e outro da zona de Lisboa. Pedro começou a preparar-se há seis meses com treinos de 15 a 25 horas semanais. Já fez dois estágios de altitude na Serra da Estrela. Por vezes, para aproveitar todo o tempo disponível para treinar, acaba por nem conseguir almoçar. Aos fins-de-semana chega a treinar seis horas seguidas. Ao sábado, por exemplo, vai dar treino aos jovens dos 20 Kms de Almeirim das 8h00 às 13h30 e depois passa o resto do dia a pedalar em estrada e nos campos da região. Uma das preocupações, além da preparação física, é a saúde. “Quando ficamos mais magros o organismo fica também com menos defesas e é necessário ter todo o cuidado para não apanhar, por exemplo, gripes ou constipações”, explica. Quando começou a preparar-se para a prova tinha 68 quilos e actualmente está com 61 quilos. No final dos seis dias de prova deve ter perdido mais três quilos pelo menos. Depois quando chegar a casa vai ser comer tudo e muito para recuperar o peso. “Nestas competições chega-se a perder cinco mil calorias por dia. A alimentação ajuda a recuperar essas calorias mas não na totalidade”, salienta. O atleta da Ribabike conta apenas com os apoios da Óptica Vanessa em Almeirim e da Victory Endurance, uma marca de nutrição desportiva.Do futebol para as duas rodasPedro Bento começou a praticar BTT há cerca de 15 anos por influência de um amigo e desde então nunca mais parou. Na altura era jogador de futebol no Paço dos Negros (Almeirim) mas confessa que a modalidade não era a que mais o seduzia. Num dia em que tinha jogo um amigo convidou-o a experimentar ir fazer BTT de manhã. Já não foi ao jogo dessa tarde e abandonou o futebol para se dedicar às bicicletas. Actualmente é professor de natação na Escola Municipal de Natação de Almeirim, trabalhando nas piscinas da cidade. É também treinador de ciclismo na Associação 20 Kms de Almeirim e presidente da secção de desportos de montanha no mesmo clube. Já praticou também triatlo para fazer um Ironman na Dinamarca, em 2010. O Ironman é uma modalidade de triathlon de longas distâncias compreendendo aproximadamente 3,8 km de natação, 180 km de ciclismo e 42,195 km de corrida.

Mais Notícias

    A carregar...