uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

O MIRANTE NO FACEBOOK

Edição de 24.02.2016 | O Mirante dos Leitores
Contratação de coordenadora da Loja do Cidadão de Santarém enguiçada É caso para perguntar se a câmara está a viver muito bem. A cidade não transparece esse facto. Mas são os nossos dirigentes no seu melhor! Maria Sousa 24 mil euros por oito meses? Senhor presidente retire nessa contratação uns euros e contrate mas é mais uns funcionários para a limpeza da cidade. Maria Lurdes Vieira Do bairro cigano do Casal dos Estanques em Vialonga para os holofotes do mundo É uma vergonha que haja tanta discriminação e que seja preciso a imprensa estrangeira dar visibilidade a esta jovem concedendo-lhe um prémio para que fosse vista com outros olhos! Mostra bem a pequenez da mentalidade portuguesa. Cláudia Sacramento Tive o privilégio de privar com a Inês de perto, enquanto jogadora de Futsal. Quem te conhece sabe que nunca renegaste as origens. Limitem-se a festejar o feito. Parabéns Inês e que este seja um de muitos sucessos. Rogério Sequeira Mãe acusa educadora de aplicar castigo pouco ortodoxo ao filho Existem outros meios de se castigar. Tenho quatro filhos e não é fácil nos dias de hoje educar um filho mas não haverá outro tipo de castigo? Tirar algo de que goste muito será talvez o mais lógico. Mária Martins Os pais não educam os filhos e depois não gostam dos castigos. No meu tempo os pais tinham muitos filhos e todos bem educadinhos. É preciso usar a palavra não. Maria Antónia Soares Também sou do tempo da cana da índia e da reguada… enfim por vezes nada tem a ver com educação. Mária Martins Certamente aquele menino foi castigado milhares de vezes até que atingiu o limite. A Educadora não o fez de ânimo leve, pois infelizmente o ministério vai agir contra ela. Mas temos que punir quem se porta mal e não quem se porta bem. Bruna Ganchas Nada justifica um comportamento agressivo, muito menos pagar da mesma moeda. Mónica Estrela Levava duas ou três reguadas a jeito como antigamente e ainda levava umas palmadas quando chegasse a casa... Vítor Manuel Agora até nas escolas a moeda de paga é a violência? Sónia Moita

Mais Notícias

    A carregar...