uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Misericórdia acaba com creche no Sardoal  e obriga município a chegar-se à frente
Miguel Borges

Misericórdia acaba com creche no Sardoal  e obriga município a chegar-se à frente

Autarquia assume esse serviço a partir de 1 de Setembro. Oposição critica decisão da Santa Casa a poucos meses do início de mais um ano lectivo.

Edição de 05.08.2020 | Sociedade

A Câmara do Sardoal vai assegurar a valência de creche no concelho a partir de 1 de Setembro. A decisão surge após uma comunicação feita ao município pela Santa Casa da Misericórdia do Sardoal a dar conta do encerramento definitivo da sua valência de creche no final deste ano lectivo. A autarquia considera que este é um serviço de educação fundamental e imprescindível para as famílias com crianças com menos de três anos por isso decidiu avançar com os procedimentos necessários para garantir a continuidade do serviço.


O assunto foi abordado na última reunião de câmara com o vereador da oposição, Pedro Duque (PS), a lamentar que a Misericórdia do Sardoal tenha desistido da valência. “Lamento que a solidariedade social tenha deixado de ser uma prioridade para a Santa Casa em detrimento de questões financeiras”, criticou o autarca socialista. Pedro Duque também criticou a demora da Santa Casa em informar oficialmente a câmara municipal, quase um mês depois de ter tomado a decisão em assembleia geral.
O presidente da Câmara do Sardoal, Miguel Borges (PSD), afirmou que é fulcral a existência do serviço de creche no concelho. “Um concelho que se quer atractivo para os jovens é imperativo que tenha uma creche, é uma prioridade para a câmara municipal”, disse. O autarca acrescentou que numa primeira fase vão funcionar com trabalhadores do município. Miguel Borges informou que uma das funcionárias da autarquia é educadora de infância de formação, o que vai facilitar o trabalho.
Miguel Borges explicou que as instalações da creche vão funcionar junto ao jardim-de-infância da vila e ocupar também o refeitório, valorizando o que já existe. Inicialmente vão ter duas funcionárias e duas salas. Com esta decisão a câmara municipal reforça os programas já em curso de apoio às famílias e promoção à fixação de jovens casais no Sardoal. Os interessados devem fazer a pré-inscrição das crianças no balcão único do município até 24 de Julho.

Misericórdia acaba com creche no Sardoal  e obriga município a chegar-se à frente

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido