uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Câmara de Abrantes apoia associativismo desportivo com 184 mil euros

Município vai passar a dar um bónus aos clubes que contribuam para a formação do público que assiste aos eventos desportivos.

Edição de 13.12.2017 | Desporto

A Câmara de Abrantes e 34 colectividades do concelho formalizaram os contratos que garantem o apoio financeiro municipal de quase 184 mil euros às associações e clubes no âmbito do programa FinAbrantes. A presidente da autarquia, Maria do Céu Albuquerque (PS), garantiu que, no próximo ano, as colectividades que apostem na formação das famílias dos atletas, enquanto espectadores de actividades desportivas, podem contar com uma majoração de 10% do financiamento.
“Era muito importante que, de uma forma cívica, pudéssemos começar a ter nas bancadas respeito pelos atletas, respeito pelos árbitros, respeito por todos e isso implica também fazer formação”, disse Maria do Céu Albuquerque.
Relativamente a actividades desportivas federadas de carácter regular, vão ser apoiados financeiramente 31 clubes, em 17 modalidades diferentes, numa envolvência de 52 equipas no âmbito dos desportos colectivos (986 atletas) e 370 atletas em desportos individuais. A verba total aprovada neste sector é de 173 mil euros.
No apoio à promoção de actividades desportivas ou recreativas de lazer, são apoiadas 12 colectividades, em 12 modalidades, nas quais estão envolvidos 713 participantes em desportos como atletismo; futebol (escolinhas e veteranos); voleibol; hóquei em patins; ciclismo/BTT; ginástica/zumba; equitação; paintball; judo; patinagem; trial; ténis, no total de apoio de 10 mil euros.
A autarca lançou ainda outro desafio às associações e clubes presentes na cerimónia de assinatura dos contratos, realizada no dia 28 de Novembro: Com o apoio da Federação Portuguesa de Atletismo, implementar um projecto que estimule a prática ao ar livre de caminhada, de marcha e de corrida, enquadrado por técnicos habilitados. Maria do Céu Albuquerque referiu que a câmara irá “em breve” chamar as associações e clubes para com a Federação Portuguesa de Atletismo ser formalizado o projecto.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...