uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Câmara de Tomar compra fatos para usar na Festa Templária

Edição de 27.06.2018 | Cultura e Lazer

A Câmara de Tomar decidiu este ano comprar os fatos que vão ser utilizados durante a Festa Templária que decorre entre os dias 5 e 8 de Julho. A vereadora que detém o pelouro da Cultura, Filipa Fernandes (PS), referiu, em sessão camarária, que o município optou por comprar os fatos para evitar uma despesa anual de cinco mil euros com o aluguer dos mesmos. “Os fatos vão ser confeccionados por costureiras de Tomar e as capas templárias vão ser feitas por senhoras que pertencem à comunidade cigana”, explicou.
Este ano, as entradas para assistir à recriação do cerco ao castelo em 1190 tem um custo de dois euros para maiores de 12 anos. O preço das visitas culturais, nos dias 7 e 8 de Julho, entre as 10h00 e as 13h00, custa três euros e o preço para o Jantar Real, que decorre no Convento de Cristo, no dia 6 de Junho, é de 30 euros e 20 euros para crianças até aos nove anos. A edição deste ano também vai ter à venda, por um euro, uma caneca em barro vidrado de 25cl com a inscrição “Festa Templária Tomar”.
Tomar volta a ser um burgo medieval de 5 a 8 de Julho, com a Festa Templária a “transportar no tempo” quem visitar a cidade nesses dias, com destaque para a recriação do cerco ao castelo ocorrido em 1190. “A viagem terá por companhia cavaleiros, mercadores, artesãos, saltimbancos, músicos, malabaristas, cuspidores de fogo, entre outras personagens da Idade Média”, refere a Câmara de Tomar, que promove o evento em parceria com várias entidades da região.
A 13 de Julho de 1190, 900 guerreiros árabes, sob o comando do rei de Marrocos, Almançor, cercaram o Castelo Templário, deparando-se com a resistência de 200 cavaleiros templários, liderados por Gualdim Pais. A recriação do acampamento templário, o treino dos homens de armas, as danças medievais, a feira de artesanato alusivo à época, o festival de gastronomia medieval nos restaurantes locais, os petiscos nas tasquinhas e os jogos medievais são outras das “muitas atividades” programadas.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...