uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Quem quer experimentar no dia da química?

Edição de 05.02.2003 | Sociedade
A Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Lisboa (FCT/UNL) vai realizar a 20 de Fevereiro um Dia da Química, iniciativa destinada a atrair vocações entre os estudantes do ensino secundário.O evento, anualmente organizado pelo Departamento de Química da FCT/UNL, incluirá, pela primeira vez, a realização de experiências ao vivo, onde os estudantes (e todos os interessados) poderão descobrir, por exemplo, que química existe numa simples mousse de limão.Nas edições anteriores, o Dia da Química era composto por conferências e visitas aos laboratórios da Universidade (estas últimas mantêm-se) mas, este ano, os organizadores decidiram inovar com base em algumas “performances” que viram realizadas no estrangeiro.“A química é uma ciência experimental e está presente no dia-a-dia sem que nos apercebamos”, explicou, em declarações à Agência Lusa, Fernando Pina, do Departamento de Química da Faculdade.Isolar o ADN (ácido desoxirribonucleico) de frutos, saber como é que os medicamentos conseguem matar as bactérias responsáveis por infecções ou fazer uma espuma de limão cujo “truque” consiste em baixar o pH de algumas proteínas do leite são algumas das experiências que os alunos vão ver, perceber e...comer.“Muitas vezes associa-se a química a aspectos negativos, como a poluição, quando esta é apenas um mau uso da disciplina”, sublinhou o investigador, considerando que “é mau para a sociedade que as pessoas tenham medo da química”.O objectivo deste dia é, sobretudo, estimular os estudantes para a ciência em geral e para a química em particular.“O défice de vocações na área da ciência é um problema nacional e europeu. O nosso bem-estar depende de termos quadros científicos de qualidade”, realçou Fernando Pina.Até agora, já foram registadas 350 inscrições mas os organizadores esperam que a iniciativa registe uma adesão de cerca de 500 estudantes do ensino secundário de todo o país.Lusa

Mais Notícias

    A carregar...