uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Empresários da região pedem mais intervenção da Associação Industrial Portuguesa

Empresários da região pedem mais intervenção da Associação Industrial Portuguesa

Edição de 18.06.2009 | Economia
Alguns empresários da região pediram à Associação Industrial Portuguesa (AIP) que seja mais interventiva junto do Governo para resolver os problemas das empresas neste período de crise. Numa reunião em Santarém, os empresários queixaram-se de dificuldades de acesso a seguros de crédito para as exportações, entre outras situações. Os responsáveis da AIP responderam que têm vindo a fazer propostas ao Governo e exortaram os donos das empresas a juntarem-se e a terem um papel mais activo junto das associações que os representam, porque só assim estas serão também mais fortes.O ex-ministro Veiga Simão, presente na sessão promovida pela Associação Empresarial da Região de Santarém – Nersant, realçou que “não é apenas com perguntas vagas e respostas abstractas que somos conduzidos às soluções”. E realçou que a salvação do país está na mão dos portugueses, lamentando o individualismo e o facto dos governos preferirem medidas circunstanciais. Deixou ainda a ideia de se fazer uma feira do sucesso na região de Santarém, que apresente os casos de sucesso empresarial e que possa vir a tornar-se num certame nacional. A sessão teve por objectivo fazer a apresentação da Carta Regional de Competitividade da Lezíria do Tejo e do Médio Tejo, promovida pela Associação Industrial Portuguesa (AIP). O documento refere que se pode apostar em diversas actividades ligadas ao cavalo, como a indústria farmacêutica animal, a zootecnia avançada, e as questões ligadas à equitação terapêutica. Considera-se ainda que o sector florestal, apesar de muito dizimado pelos incêndios, ainda é aproveitável e pode ter futuro e o turismo é outra das áreas em que a região pode tirar mais partido.
Empresários da região pedem mais intervenção da Associação Industrial Portuguesa

Mais Notícias

    A carregar...