uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Carlos Bernardino

47 anos, desempregado, Tomar

“Não vou votar. Odeio políticos. Para mim, um político é um mentiroso. Não merecem a minha confiança e, por isso, não merecem o meu voto. Eles é que são os verdadeiros parasitas da sociedade. Só falta mesmo entregarmos a roupa que temos no corpo”

Edição de 20.04.2011 | Agora falo eu
Qual foi a situação mais insólita que já passou?Em Maio de 2009 atropelei a cem metros de casa um porco-espinho africano. Era mais ou menos onze e meia da noite, ia devagar, apareceu-me aquele vulto à frente e não tive tempo de parar. Passei por cima do animal, que ainda tinha um porte grande, e quando saí do carro olhei para aquilo e nem fazia a ideia do que era. A minha mulher saiu e disse: Isso é o Diabo. Eu respondi: se é o Diabo matei-o e não tem cornos (risos). Pensei que era uma mutação de um animal. Como tirei fotografias ao animal, pesquisei na internet e consegui descobrir que era um porco-espinho africano.Já participou em algum programa de televisão?Ligou-me a Conceição Lino e fui contar esta história ao “Nós por Cá”, da SIC. Fui lá porque como tinha o arranjo do carro para pagar, cerca de 400 euros, seria a oportunidade de descobrir o dono do animal e imputar esta despesa. Mas não. Depois de aparecer na televisão, notei que as pessoas me reconhecem mais na rua e associam-me a este episódio. Os miúdos da escola da minha filha até me pediram autógrafos.Está desempregado mas a estudar. Acha que a qualificação lhe pode dar um emprego?Comecei a trabalhar aos 13 anos e estar sem emprego nesta fase da minha vida parece-me, todos os dias, um pesadelo. Sou novo para a reforma mas velho para arranjar emprego. Trabalhei toda a vida na IFM-Platex. Cheguei a pedir dinheiro para ir trabalhar e acabei por ser um dos que ficou de fora. Quando estava com os salários em atraso, optei por suspender e fui tirar o 9.º ano nas Novas Oportunidades. Depois, olhava para os jornais e via que os empregos onde havia mais oferta eram os de hotelaria. Agora estou a tirar o curso de Mesa e Bar em Torres Novas. Já foi vítima de vendas agressivas?Sim, uma vez levei um colchão para casa sem saber como. Não sei que voltas me deram mas assinei os papéis. Acabei por devolvê-lo em 15 dias. Cede à tentação do sonho do Euromilhões?Só jogo quando há jackpot e uma aposta de dois euros. Quando meto a chave peço que aconteça um milagre porque estou mesmo a precisar. Nem peço o primeiro prémio mas pelo menos o terceiro. Só queria pagar o resto da minha casa, ajudar as minhas filhas e melhorar a minha qualidade de vida. Vai votar nas eleições de 5 de Junho?Não vou. Odeio políticos. Para mim, um político é um mentiroso. Não merecem a minha confiança e, por isso, não merecem o meu voto. Eles é que são os verdadeiros parasitas da sociedade. Só falta mesmo entregarmos a roupa que temos no corpo.

Mais Notícias

    A carregar...