uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Muro em Cotovios ameaça ruir e já houve peões atingidos por pedras

Muro em Cotovios ameaça ruir e já houve peões atingidos por pedras

O muro de pedra com quase meio século está degradado e alguns moradores temem a possibilidade de vir a cair em cima de alguém. Todos os dias passam automobilistas e crianças no local e já houve pessoas atingidas por pedras.

Edição de 14.09.2011 | Sociedade
Alguns moradores de Cotovios, no concelho de Vila Franca de Xira, estão preocupados com a situação de um muro que ameaça ruir para a via pública e de onde já se soltaram pedras que atingiram transeuntes. O muro com quase meio século está situado na rua Humberto Delgado. A construção serve para suster as terras de uma propriedade. Os habitantes desta localidade da freguesia de São João dos Montes garantem que a degradação em que se encontra o edificado coloca em risco a segurança de quem ali circula a pé e apelam a uma intervenção urgente no local.O muro é propriedade privada e é composto por várias pedras de grandes dimensões. No inicio do mês uma dessas pedras caiu para a via pública no momento em que passava uma criança com 10 anos. “Por pouco não houve uma tragédia. Esta é uma situação que nos preocupa imenso porque já houve aqui acidentes, pedras que caíram e outras que obrigaram a fechar a rua ao trânsito porque ficaram no meio da estrada”, conta Jorge Pinheiro, um dos moradores. Quem vive nas imediações garante que a queda de pedras é frequente e que um homem também já foi atingido quando passava no local. “Foi no último Inverno. Estava a chover e ele vinha com o saco das compras. Sem dar por isso e sem conseguir fugir levou com uma pedra em cima”, garante Rosa Dias, moradora a O MIRANTE.Outro dos problemas de que se queixam os moradores é o facto de a rua não ter passeios. “As pessoas têm de caminhar pela estrada e quando aparece um carro têm que se encostar ao muro para não serem apanhadas “, queixa-se Maria Emília, residente. A aproximação da época das chuvas faz levantar as preocupações de quem ali mora. “Já falámos com a Junta de Freguesia de São João dos Montes mas nunca nada foi resolvido. Ultimamente temos andado junto da câmara municipal a tentar resolver o problema e temos esperança que agora as coisas andem para a frente”, refere Jorge Pinheiro. Na última reunião pública do executivo um grupo de moradores deslocou-se à reunião para apelar ao executivo que resolva o problema.Os técnicos da câmara municipal já estiveram no local a verificar a perigosidade da estrutura e a autarquia vai tentar estabelecer um acordo com o proprietário para fazer uma intervenção no local. “Existem muros como este que sendo conservados aguentam muitos anos. Se este tivesse sido conservado com cimento teria aguentado as chuvas. Agora da forma como está, velho e a sofrer a pressão das terras, não vai aguentar muito”, refere outro morador.

Mais Notícias

    A carregar...