uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Inauguração do pré-escolar na Vala do Carregado debaixo de temporal

Inauguração do pré-escolar na Vala do Carregado debaixo de temporal

Novo equipamento tem capacidade para 150 crianças dos 3 aos 5 anos

A Vala do Carregado na Castanheira do Ribatejo, concelho de Vila Franca de Xira, tem um novo pré-escolar com capacidade para 150 crianças. Custou 700 mil euros e foi inaugurado na tarde de 26 de Outubro.

Edição de 02.11.2011 | Sociedade
As novas instalações de pré-escolar do Centro Social e Paroquial da Casa de São José na Vala do Carregado, Castanheira do Ribatejo, foram inauguradas praticamente às escuras na tarde de 26 de Outubro pela secretária de estado do ensino básico e secundário, Isabel Leite. A forte chuvada que se abateu sobre a região deixou a zona sem electricidade mas a inauguração não foi interrompida. O novo pré-escolar custou 700 mil euros, 180 mil suportados pela câmara municipal de Vila Franca e foi construído no âmbito do programa de alargamento da rede escolar. Tem capacidade para 150 crianças dos 3 aos 5 anos e vai servir essencialmente crianças da Castanheira do Ribatejo e do Carregado, no vizinho concelho de Alenquer. O vice-presidente da direcção do centro, Paulo Horta, sublinhou nos discursos oficiais o “esforço tremendo” que foi necessário para erguer o novo equipamento e lembrou que o centro paroquial “nunca perderá os valores da família, os valores religiosos e os valores de colocar sempre as crianças em primeiro lugar”. O centro tem hoje mais de 200 crianças ao seu cuidado, 66 em creches, 90 em pré-escolares e 50 em actividades de tempos livres. Emprega actualmente mais de 50 trabalhadores. O vereador com o pelouro da educação, Fernando Paulo Ferreira (PS) substituiu a presidente da autarquia na cerimónia, que se encontrava ausente em Cabo Verde, lembrando que o município, desde 2006, já investiu mais de 15 milhões de euros na renovação e ampliação do seu parque escolar. Fernando Paulo Ferreira não perdeu a oportunidade de deixar um recado a Isabel Leite. “A EB 2 3 de Vialonga está numa situação em que é urgente intervir, não apenas porque os espaços físicos não têm condições mas também porque chove dentro de algumas salas”, lembrou. A secretária de estado não respondeu ao vereador e preferiu cingir-se ao discurso que já trazia consigo, lembrando o compromisso do novo Governo com a educação. Isabel Leite apelou também aos pais e encarregados de educação para “deixarem de lado o facilitismo” e começarem a incentivar os alunos a produzir melhores resultados.Voltou a chover nas salas da EB 2/3 de VialongaNo mesmo dia em que Isabel Leite, secretária de estado do ensino básico e secundário, inaugurava o pré-escolar na Vala do Carregado os alunos da escola básica de Vialonga ficaram sem aulas por estar a chover dentro das salas de aulas. A escola estava para ser intervencionada pela Parque Escolar mas, recorde-se, todos os projectos em curso foram suspensos para o Governo realizar uma auditoria às contas daquela empresa pública.“Neste momento ainda está a ser feita uma auditoria ao nível financeiro e aos procedimentos da Parque Escolar, temos de aguardar por esses resultados. Dependemos desse trabalho para depois podermos tomar opções sobre o caso concreto de Vialonga. Mas reconhecemos que é urgente tomar uma decisão”, admitiu Isabel Leite. A secretária de Estado, à margem da inauguração do pré-escolar da Vala do Carregado, assegurou a O MIRANTE que a escola de Vialonga terá a melhor atenção do Governo mas admitiu que terá ainda de ser analisada uma maneira de resolver o problema. “Não nos vamos precipitar”, esclarece.
Inauguração do pré-escolar na Vala do Carregado debaixo de temporal

Mais Notícias

    A carregar...