uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Chuva obrigou a mudar de local mas não estragou a festa

Comemoração do 70º aniversário do Atlético Clube de Pernes marcado pela renovação das suas infra-estruturas desportivas

O Atlético Clube de Pernes é, sem dúvida alguma, um dos clubes de maior dimensão e melhor organização do concelho de Santarém. O clube juntou, dia 17 de Fevereiro, cerca de meio milhar de pessoas num almoço de aniversário, que foi também uma grande festa e uma importante jornada de fervor clubista.

Edição de 20.02.2013 | Desporto
A festa era para ser feita durante todo o dia no novo sintético do Campo do Livramento, mas a chuva que caiu com intensidade obrigou à mudança de local. Realizou-se no Salão A Tufeira, paredes meias com o novo relvado. O ambiente foi de grande alegria e fervor clubista e nem o presidente do clube, Pedro Teopisto teve muito que dizer, reduzindo o seu discurso aos agradecimentos às entidades que têm continuado a apoiar o clube.Pedro Teopisto apenas criticou aqueles que em Pernes só sabem criticar. “Existem sempre alguns iluminados que só sabem criticar, não querem vir trabalhar em prol do clube, nem aqui colocam nada. Para o ano há eleições e daqui desafio-os a aparecerem e a darem a cara pelo Atlético de Pernes.O presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves também foi pragmático e, para além de se ter feito sócio do clube, garantiu que o Atlético de Pernes pode sempre contar com o apoio possível da autarquia. “Reconhecemos que o Atlético de Pernes é uma das bandeiras do concelho”.O vereador da Câmara de Santarém, João Leite e o proprietário do terreno onde está instalado o Campo do Livramento, António Afoito, foram eleitos pelos sócios cinquentenários do clube, as Personalidades do Ano e receberam o prémio por isso. A entrega do prémio foi justificada pela ajuda que deram para que fosse possível ao clube concretizar as obras que se fizaeam no campo.Foram aliás de António Afoito as palavras menos solenes. “A entrega deste prémio deixa-me satisfeito, mas não vem fazer esquecer nada. O proprietário do terreno onde está implantado o campo de futebol, está interessado em que ele saia daqui, até para bem da vila de Pernes. E o clube vai ter que continuar a pagar renda”, garantiu, fazendo assim menção à necessidade de continuar a levar por diante o projecto do complexo desportivo a ser criado junto da Escola Secundária.O evento foi como habitualmente uma festa de excelência que serviu para distinguir muitas outras pessoas. Sócios com mais de 25 anos de filiação, e dezenas de jogadores das várias camadas jovens e veteranos que foram prendados pelo seu valor em campo, pela assiduidade aos treinos e também os melhores estudantes.As equipas de infantis e juvenis receberam faixas de campeão de série. E o presidente, Pedro Teopisto anunciou uma campanha de angariação de sócios, que teve como primeiro subescritor Ricardo Gonçalves. “Até Setembro queremos chegar aos 500 sócios. Estou convencido que isso não será difícil. A cota custa apenas um euro por mês, vamos fazer com que todos os pais dos jogadores se façam sócios. O Atlético de Pernes merece-o e não é com um euro que se fica mais pobre”.A festa prolongou-se pela tarde e noite, sempre com elevado número de participantes, o que deixou ainda mais entusiasmados os dirigentes do clube. Que apenas lamentaram não ser possível tê-la feito em pleno sintético do Campo do Livramento.

Mais Notícias

    A carregar...