uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Doença de Pedro Barroso leva à suspensão dos “Encontros do Cantar Diferente” em Constância

Doença de Pedro Barroso leva à suspensão dos “Encontros do Cantar Diferente” em Constância

Espectáculo integra habitualmente o programa das Pomonas Camonianas, que este ano decorrem de 7 a 10 de Junho
Edição de 04.06.2014 | Cultura e Lazer
Pela primeira vez desde que tiveram início, em 1997, os “Encontros do Cantar Diferente” não irão este ano integrar o programa das Pomonas Camonianas de Constância, que se realizam de 7 a 10 de Junho, devido a doença do seu anfitrião, o músico Pedro Barroso. A informação foi dada pela Câmara de Constância em comunicado onde se desejam rápidas melhoras ao trovador de Riachos.O espectáculo tem como palco o Anfiteatro dos Rios, onde o cantor ribatejano tem recebido, ao longo dos anos, muitos músicos e cantores portugueses num ambiente descontraído que tem atraído sempre muito público.“Infelizmente, pelo motivo referido, a tradição não pode cumprir-se este ano. A Câmara Municipal de Constância lamenta o facto e deseja boas melhoras a Pedro Barroso, esperando que rapidamente possa retomar a sua vida normal e, no próximo ano, os Encontros do Cantar Diferente que só com ele fazem sentido”, lê-se na nota de imprensa emitida pela autarquia.Pomonas Camonianas de 7 a 10 de JunhoA vila de Constância recebe, entre 7 e 10 de Junho, a 19ª edição das Pomonas Camonianas. O evento consiste na recriação de um mercado quinhentista, que pretende dar a conhecer a forma como as pessoas se vestiam, alimentavam e divertiam nessa época.Alunos, professores e pessoal não docente do Agrupamento de Escolas de Constância estarão trajados a rigor representando mercadores e outras figuras alusivas à época. Vão ser expostos para venda frutos e flores mencionados por Luís de Camões na sua obra literária.O evento engloba também a realização de várias exposições, danças quinhentistas, espectáculos musicais, declamações de poesia, uma feira de antiguidades e velharias, uma prova de orientação nocturna, um festival hípico e a deposição de coroas de flores no Monumento a Camões.O objectivo é assinalar o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, homenageando aquele que foi considerado o maior poeta português e que tem ligações a esta vila.
Doença de Pedro Barroso leva à suspensão dos “Encontros do Cantar Diferente” em Constância

Mais Notícias

    A carregar...