uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

O MIRANTE NO FACEBOOK

Edição de 03.12.2014 | Sociedade
António Rodrigues despediu-se da assembleia da CIMT Finalmente! A prepotência deste indivíduo nunca teve limites, assim como a sua falta de vergonha. Mais um que deve ser investigado enquanto autarca. Não deve ser muito difícil... Ricardo Matos da Silva Sex-shop alvo de chacota de Funcionária das Finanças de Almeirim Esta situação é reveladora da enorme iliteracia que existe na sociedade. É a incapacidade que a maioria das pessoas tem de saber o alcance dos seus comentários, das suas observações, dos seus actos numa rede social que não é mais do que um Big Brother. É incrível como é que há pessoas a utilizar esta ferramenta e eventualmente nem sabem preencher o IRS. Aquilo que por motivos de sigilo profissional nem numa brincadeira entre amigos deveria haver, está agora nos jornais regionais e quem sabe que daqui a horas, dias, esteja nos nacionais. António Manuel Pratas Brites Festival da guitarra em Almeirim Obrigado Joana Salgado Emídio e O MIRANTE pelo grande trabalho que fizeram neste festival. Como diz o Custódio Castelo, bem hajam. Carlos Bartilotti Homenagem a antigas dirigentes do Círculo Cultural Scalabitano Uma abrantina de gema, adoptada por Santarém. Parabéns a ambas pelo que têm feito pela cultura em Santarém e no distrito. João Gonçalves Teodoro Ninguém quis explorar o Café Central em Vila Franca de Xira Com uma renda tão elevada não podem esperar milagres... Célia Costa Ridículo é um café tão importante na vida dos vila franquenses estar fechado! Há tanta gente na câmara sem fazer nada o dia todo, a câmara que o explore! Diana Miranda Bento Câmara de Abrantes tenta reaver dinheiro que pagou por terreno vendido à RPP Solar Não entendo como acreditaram neste projecto sem o validar como devia ser... Estava na cara que isto não ia resultar. Era uma ideia megalómana. Luís Eduardo Lopes BES deixa Cruz Vermelha de Aveiras de Cima sem mais de meio milhão Desculpem a minha ignorância, mas uma instituição tem assim tanto dinheiro aforrado que se dá ao luxo de fazer aplicações financeiras? José Carlos Ferreira Matos Separador com rede na entrada de Vila Franca de Xira motiva queixas Realmente, uma das mais “parvas” obras que vi nos últimos tempos. Podiam ter gasto o dinheiro em coisas realmente necessárias, como é exemplo a saída da ponte Marechal Carmona do lado de VFX, onde os lençóis de água põem em perigo quem por ali circula. José Carlos Ferreira Matos Claro, compreendo. As pessoas preferem morrer com estilo... É tudo uma questão de estética. Santa paciência! Paulo Soares

Mais Notícias

    A carregar...