uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Parque de três hectares em Fazendas de Almeirim vai demorar muitos anos a concluir
foto DR Projecto inclui um palco e uma praça central para eventos

Parque de três hectares em Fazendas de Almeirim vai demorar muitos anos a concluir

O projecto para um espaço junto ao campo de futebol do Fazendense deverá custar cerca de dois milhões e devido ao elevado valor, que tem de ser pago unicamente pela câmara, vai ser feito aos bochecos, por vários anos, consoante a disponibilidade financeira e os meios da autarquia.

Edição de 02.11.2020 | Sociedade

A Câmara de Almeirim tem um projecto para um parque urbano de três hectares em Fazendas de Almeirim, mas que vai demorar vários anos a sair completamente do papel. O espaço junto ao campo de futebol da freguesia deve custar, pelas contas do presidente da autarquia, Pedro Ribeiro, cerca de dois milhões de euros. E é o custo que vai fazer arrastar as obras, uma vez que o dinheiro tem de sair do orçamento municipal, atendendo a que não há actualmente fundos comunitários para este tipo de projectos. Os trabalhos vão ser feitos por administração directa, com muita obra a ser feita pelos funcionários da câmara.
O projecto vai permitir ao Grupo Motard “Os Aceleras da Charneca” ficar com uma nova sede, já que as actuais instalações estão dentro dos terrenos onde vai surgir o parque. O campo de futebol do Fazendense vai ter uma ligação ao espaço e vai ser possível também fazer as festas da freguesia no local. A maqueta mostra uma praça central com capacidade para albergar eventos de pequenas, médias e grandes dimensões, estando também prevista a instalação de oito barraquinhas e uma zona de telas para criar sombra e que podem ser usadas para colocar mesas para refeições à sombra. O projecto inclui ainda um palco.
Nas zonas de lazer há um edifício polivalente de apoio a eventos e onde vai ficar o grupo motard, um relvado, um ringue desportivo em relva sintética, um parque infantil e um parque de crossfit e geriátrico com equipamentos para pessoas mais idosas. Para a actividade física está previsto também um circuito de manutenção. Destaque ainda para um anfiteatro, um bosque para criar um espaço agradável e com sombra ao circuito de manutenção e parques de estacionamento.
Os primeiros trabalhos são os de modelamento dos terrenos, seguindo-se a construção dos parques de estacionamento e a plantação de árvores, conforme prevê o presidente da câmara. Algumas obras terão de ser entregues a empresas, admite Pedro Ribeiro, que realça que este projecto não é eleitoral, até porque até às eleições pouco ou nada vai surgir no local.

Parque de três hectares em Fazendas de Almeirim vai demorar muitos anos a concluir

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido