uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Brincadeiras de antigamente ainda não saíram de moda

Brincadeiras de antigamente ainda não saíram de moda

Dia Mundial da Criança festejado na região por milhares de alunos de escolas e jardins de infância da região. Em Santarém algumas crianças com quem falámos dizem que actividades como jogar à apanhada, às escondidas ou à bola fazem parte do seu quotidiano. Nem só de jogos electrónicos se faz a diversão.

Edição de 08.06.2017 | Cultura e Lazer

Ateliers vários, música, dança, jogos tradicionais, demonstrações desportivas, insufláveis, construção de arcada de balões, pinturas faciais, hospital de bonecas, peça de teatro sobre a vacinação, jogos de “colaboração” e demonstração de meios da Escola Segura. Brincar foi a palavra de ordem para mais de 1600 crianças das escolas do concelho de Santarém que estiveram no Jardim da Liberdade no Dia Mundial da Criança, 1 de Junho. A diversão começou logo pela manhã e continuou até à hora de almoço.
Maria do Carmo, de 8 anos, e Margarida, de 6 anos, já estão na escola, mas Diogo, de 5 anos, ainda não. Nenhum deles se conhece, mas todos eles partilham dos mesmos gostos quando chega a hora da brincadeira. Jogar futebol, à apanhada e às escondidas estão em primeiro lugar na lista. Jogar nos tablet e na Playstation é só quando os pais deixam.
Quando O MIRANTE questiona se preferem jogar nos tablets ou os jogos tradicionais, as crianças não têm dúvidas em optar pelos jogos do tempo dos avós. “O jogo do galo e do ovo e as andas são os meus preferidos”, confessa Margarida. E a mãe confirma dizendo que “lá em casa todos costumamos jogar o jogo da glória e o dominó”.
Também a mãe de Maria do Carmo Figueira afirma que a filha prefere os jogos tradicionais. “Ela gosta muito de saltar à corda e de jogar à apanhada”, confessa. Já a mãe de Diogo Ferreira conta que quando saem em família aos fim-de-semana costumam fazer caças ao tesouro e jogar à apanhada. “O Diogo gosta bastante dos jogos tradicionais”, admite a mãe, apesar de confessar que se lhe desse a escolher muito provavelmente preferia jogar no tablet.
Nas comemorações do Dia da Criança estiveram também presentes mais de 200 crianças no Parque Aquático de Santarém, acompanhadas pelas escolas e famílias. Nesse espaço, as crianças puderam também usufruir de um conjunto de actividades lúdicas e desportivas, desde aula de fitness, espaço livre com futebol, insufláveis a jogos pedagógicos.

Brincadeiras de antigamente ainda não saíram de moda

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...