uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Presidente da câmara garante que Escaroupim não está ao abandono

Edição de 11.01.2018 | Sociedade

A aldeia avieira do Escaroupim não está ao abandono, garantiu o presidente da Câmara de Salvaterra de Magos, Hélder Esménio (PS), na última reunião do executivo, quando questionado pelo vereador Luís Gomes (Bloco de Esquerda) sobre os vários problemas verificados nessa localidade junto ao Tejo. Esménio adianta que o município tem agido, nomeadamente no corte de árvores e replantação de salgueiros, na construção de zonas pedonais e na colocação de iluminação. Referiu ainda que a câmara candidatou-se a fundos comunitários para requalificar o dique de Salvaterra de Magos.
De acordo com Luís Gomes, no mandato da ex-presidente Ana Cristina Ribeiro houve um grande investimento na requalificação da aldeia e agora a única situação que se viu foi a transferência do museu “Escaroupim e o Rio” da vila de Salvaterra de Magos para o Escaroupim.
Entre vários problemas apontados, Luís Gomes mencionou o cais de embarque turístico que está sem bóias que o sustentem e encontra-se degradado, não há luz na zona e as árvores existentes (salgueiros) estão podres. O município, afirma, devia intervir urgentemente nestes pontos. Além disso, “devia criar regulamentos para utilização do cais e para o usufruto do rio, por parte de possíveis banhistas e embarcações, colocar placas de sinalização a indicar as localidades e o cais, requalificar toda a área envolvente e retomar a geminação com Vieira de Leiria”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...