Agora Falo Eu | 09-01-2024 07:00

Patrícia Alexandra Guido Proença

Patrícia Alexandra Guido Proença
Patrícia Alexandra Guido Proença

Assistente de Direcção na Spamedic, Lda – Ucardio | 27 anos, Riachos

Já lhe aconteceu segurar uma porta para alguém passar e a pessoa passar sem olhar para si nem lhe agradecer?
Várias vezes, mas quanto a isso não podemos fazer nada. Eu fiz a minha parte e isso é suficiente para mim.
Já soprou no balão numa operação STOP?
Aconteceu-me duas vezes, é caricato, mas correu sempre bem.
A que petisco não resiste?
Marisco. Sou fã e é o melhor para descontrair com amigos e família.
Qual o alimento que não comia nem que lhe pagassem?
Iscas (risos), desde pequena, nunca suportei o cheiro.
Sabe cozinhar ou prefere apreciar a comida no prato? Qual é a sua especialidade?
Sei sim e tenho bastante gosto pela cozinha. Tenho pena de não ter mais tempo disponível. Gosto de fazer preparados no forno, seja carne ou peixe, mas o meu prato favorito é Bacalhau à Brás, especialmente quando é feito pelo meu irmão.
Pratica exercício?
Há vários anos que gosto de correr ou caminhar ao ar livre geralmente no Parque Verde do Bonito (Entroncamento).
Vale a pena ir votar?
Votar é um dever cívico. Não podemos contestar se não cumprirmos os nossos deveres.
O que punha a funcionar na sua terra que não existe?
O TUT – Transportes Urbanos Torrejanos ou o TURE - Transporte Urbanos do Entroncamento. Moro na Barroca (aldeia junto ao Entroncamento) e não temos meios de transportes para ajudar a nossa população mais idosa a ir a um supermercado por exemplo.
Acha possível virmos a sofrer atentados terroristas como os que acontecem noutros países?
Sinceramente, começa a ser um assunto bastante preocupante e pressinto que, infelizmente, algum dia calhará a Portugal.
É adepta das redes sociais? Tem conta em alguma rede social?
Não vou dizer que não uso, obviamente que sim. Mas praticamente só utilizo o Instagram e mesmo assim já não o faço tão frequentemente como há 2/3 anos atrás.
As redes sociais aproximam ou afastam as pessoas?
As redes sociais são uma autêntica fachada, o conteúdo que publicamos é o que queremos mostrar às pessoas e na maioria das vezes não corresponde ao que nós somos ou ao nosso estado de espírito. É tudo muito falso e deixou de ter graça. Obviamente que afasta as pessoas, sempre que nos “colamos” a um ecrã as pessoas automaticamente afastam-se.
Usa agenda para planear o seu dia-a-dia?
Embora jovem, sou ainda ‘old school’ (velha escola) (risos), tudo o que planeio só o consigo fazer se for escrito, rasurado e reescrito. Não uso calendários nos telemóveis nem nada parecido para organizar o meu dia-a-dia. Uso agenda manual para agendar o que tenho para fazer.
Que estação do ano prefere?
Sem dúvida, o Verão. Não lido bem com o frio.
No Natal o que não pode faltar na sua mesa?
Em primeiro lugar, o amor familiar, aquela alegria de estarmos todos juntos e desfrutarmos aqueles dias só nossos; em segundo lugar um bom polvo à lagareiro!
Gosta mais de liderar ou ser liderada?
(Risos) Gosto mais de liderar. Liderar requer mais do que ter vontade, é força de vontade. Quando educamos os nossos filhos, estamos a educar-nos a nós mesmos. Nós não educamos um filho sem dizer nada. Eles aprendem a olhar o que nós fazemos. Por isso, ou melhoramos, ou não vamos educar tão bem quanto gostaríamos. Eles seguem o nosso exemplo e isso é igual para as equipas que precisamos liderar! Gosto desse desafio.
Alguma vez deu sangue?
Dou todos os anos. Sou dadora de sangue e de medula óssea desde 2018.
Quais as qualidades que mais aprecia numa pessoa?
Sinceridade e honestidade é o que mais aprecio nas pessoas.
Qual o seu maior defeito?
Ser impulsiva, sem dúvida (risos). Não é bom e por isso considero ser o meu maior defeito.
De quantas horas de sono precisa para acordar bem-disposta?
Para acordar mesmo bem-disposta, preciso de um sono reparador de umas nove seguidas.
Tem alguma tatuagem ou já pensou em fazer uma?
Tenho duas tatuagens e ambas têm um significado importante para mim.
Quantos cafés bebe por dia? E porque os bebe?
Sou dependente de café (risos), bebo cerca de cinco ou seis por dia.
Quando tem uma dor de cabeça toma imediatamente um comprimido ou espera que ela passe?
Tenho dores de cabeça frequentemente por isso tomo comprimidos. Esperar que passem já não resulta.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo