Aniv | 10-08-2022 00:00

Memórias 10-08-2022

MEMÓRIA

Francisco Canais Rocha

Faleceu a 10-08-2014 com 84 anos

Foi o primeiro coordenador da central Sindical – CGTT, após o 25 de Abril. Natural de Torres Novas foi marceneiro no início da sua actividade profissional. Licenciado em História com um Mestrado em História Contemporânea, deixou publicadas várias obras sobre o movimento operário e sindical em Portugal, nomeadamente uma monografia intitulada “Para a História do Movimento Operário em Torres Novas”. Durante o regime ditatorial foi preso e torturado pela polícia política em 1952 e em 1968 numa altura em que militava no Partido Comunista Português. Francisco Canais Rocha foi sindicalista, sendo fundador da Comissão Concelhia de Torres Novas e da Comissão Distrital de Santarém do Sindicato dos Metalúrgicos. A sua eleição para coordenador da Intersindical aconteceu a 27 de Abril de 1974, dois dias após a revolução mas ocupou o cargo pouco tempo, tendo saído em Agosto do mesmo ano. Em 1997, já reformado, foi um dos fundadores da Associação de Pensionistas e Reformados de Torres Novas (ARPE)

Manuel Bento Baptista

Faleceu a 10-08-2016 com 84 anos

O médico Manuel Bento Baptista morreu no dia 10 de Agosto 2016 vítima de doença prolongada. Foi fundador do PSD de Tomar e vice-presidente da distrital do partido numa equipa com Pereira da Silva, Abílio Rodrigues, Miguel Relvas e Mário Albuquerque. Também foi dirigente associativo, dinamizador de eventos, coordenador de equipas, entre outros cargos. Chegou a concorrer à presidência da Câmara Municipal de Tomar, pelo PSD, na década de 90 do século passado, tendo perdido para o candidato do PS, Pedro Marques. Foi o principal dinamizador do Congresso do Sopa de Tomar e dirigente do Sporting Clube de Tomar. Aficionado da festa brava foi durante muito tempo médico da praça de toiros de Tomar.

Maria da Conceição Mendes Horta (Santa da Ladeira)

Faleceu a 10-8-2003 com 72 anos

Chamavam-lhe “Mãe Maria” e “Santa da Ladeira”, morreu como qualquer outro simples mortal no Hospital de Torres Novas, vítima de uma paragem cardiorrespiratória. Maria da Conceição Mendes Horta Tinha fama de vidente e milagreira. Foi sepultada no jazigo feito a seu gosto, no Santuário de Nossa Senhora das Graças, na Ladeira do Pinheiro, sede do seu “Exército Branco”. Após o seu desaparecimento o chamado culto da Santa da Ladeira que atraia peregrinos de todo o país quase que desapareceu.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo