Cultura | 20-06-2019 15:00

Sardinha assada e touros nas ruas durante quatro dias em Benavente

Sardinha assada e touros nas ruas durante quatro dias em Benavente
FESTA DA AMIZADE

A festa começa no dia 27 de Junho e além das cinco toneladas de sardinha para oferecer não vão faltar a festa brava e espectáculos musicais.

Benavente prepara-se para receber a 51ª edição da Festa da Sardinha Assada, de 27 a 30 de Junho. Serão quatro dias com um vasto programa, onde não vão faltar as tradicionais largadas de touros e picarias. Cinco mil litros de vinho, 10 mil pães e cinco toneladas de sardinha vão estar à disposição dos visitantes durante os dias do certame.

O programa abre na quinta-feira, 27 de Junho com um encierro de touros (18h15) a sair para as ruas da vila, tendo como pontos de passagem a Rua dos Combatentes da Grande Guerra, Rua D. Francisca Montanha, Av. Dr. Francisco José Calheiros Lopes, Av. Manuel Lopes de Almeida. Pelas 18h30 serão largados dois touros no recinto do encierro. As tasquinhas abrem às 20h30 e as Sevilhanas - Sabor Flamenco e os Los Gaboneros actuam no palco jovem a partir das 22h00. À meia-noite haverá o habitual espectáculo piromusical. Ainda no palco jovem actuam os Puta da Loucura (00h30) e o DJ João Ildefonso (02h30).

Este ano cabe ao músico Quim Barreiros marcar o ritmo da noite de sexta-feira, subindo a palco pelas 23h30, após o desfile de fanfarras dos bombeiros e do concerto dos 300 & Friends. Pela 01h00 tem início mais um encierro pelas ruas, seguido de uma largada de touros. Já de madrugada, sobem ao Palco Jovem os Alma Ribatejana (02h00), o DJ Sergio R (03h30) e o DJ D-John (04h00).

No sábado ouvem-se os temas da Banda Onda Nova, dos DWISH e The Pilinha. Depois da meia-noite o espectáculo musical fica a cargo dos Foka Energie, Adérito José e AJ Compás. Neste mesmo dia, o ponto alto da programação será o lançamento dos 51 morteiros seguidos da distribuição de sardinhas, pão e vinho, pelas 22h00. Nesta noite serão também nomeados os sardinheiros das festas do próximo ano. Pela 01h00 há um encierro e uma largada de quatro touros em recinto alargado. O DJ Nana anima o recinto jovem madrugada dentro.

Ainda no sábado, como já é habitual, a Comissão da Picaria organiza o tradicional desfile de campinos, cavaleiros e amazonas, acompanhados por jogos de cabrestos, pelas 10h00, em direcção ao Largo do Calvário. Este ano, a missa campal em memória dos campinos falecidos presta homenagem a José Carlos Semeador (Zé Moleiro) que foi durante anos um dos colaboradores da picaria de Benavente. As provas de condução de cabrestos e bois da guia começam às 11h00, seguidas da picaria à vara larga.

No domingo, 30 de Junho, o último dia de festa, há um encierro pelas ruas do Calvário, às 15h30 e uma largada de touros pelas 16h30. O certame termina com uma “surpresa” que só será revelada no próprio dia.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Médio Tejo