Cultura | 21-05-2023 11:39

Na Ascensão em Vila Franca de Xira benzeu-se os campos e pediu-se saúde

Na Ascensão em Vila Franca de Xira benzeu-se os campos e pediu-se saúde
Foto Jorge Alexandre

Feriado municipal voltou a levar dezenas ao santuário do Senhor da Boa Morte em Povos.

A quinta-feira da Ascensão, feriado municipal em Vila Franca de Xira, voltou a ser assinalado no concelho com uma festividade com raízes centenárias, a romaria ao santuário do Senhor da Boa Morte em Povos. O dia da espiga celebrou-se com a tradicional procissão entre o pelourinho de Povos e o santuário, situado no alto da encosta, onde teve lugar a eucaristia da solenidade da Ascensão do Senhor e o momento mais simbólico, a bênção dos campos e da cidade.

Como sempre acontece pediu-se paz, saúde e sorte para este ano, seguindo-se o tradicional almoço de convívio que foi também pautado por momentos de folclore e baile popular, numa iniciativa organizada pela paróquia de São Vicente Mártir, da Misericórdia de Vila Franca de Xira e a Comissão de Festas do Senhor da Boa Morte com o apoio, entre outros, da câmara municipal.

O santuário fica situado num miradouro natural de Povos onde outrora se ergueu o Castelo da antiga Vila de Povos, de onde é possível ver o Tejo, as Lezírias e a cidade. Junto ao miradouro há vestígios medievais (sepulturas antropomórficas dos séculos XII-XII), as ruínas do Solar dos Ataíde, Condes da Castanheira e Senhores de Povos (séculos XVI-XVIII) e o Cruzeiro da Independência de 1940.

A Ermida, primitiva Igreja Matriz de Povos dedicada a Nossa Senhora e assente sobre um morabito árabe, passou a ser posteriormente um santuário dedicado ao culto ao Senhor Morto (século XV-XVIII), onde segundo a tradição popular se descobriu a milagrosa imagem de Jesus Cristo Morto.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo