Cultura | 21-02-2024 21:00

Em Casais da Amendoeira prepara-se o regresso da festa cinco anos depois

Em Casais da Amendoeira prepara-se o regresso da festa cinco anos depois
Comissão de Festas de Casais de Amendoeira vai realizar, em Junho deste ano, as Festas em Honra de Nossa Senhora da Paz, recuperando uma tradição que já não acontecia há cinco anos neste lugar do concelho do Cartaxo

As Festas em Honra de Nossa Senhora da Paz, em Casais da Amendoeira, deixaram de se realizar em 2019.

Em Agosto passado começaram a ser dados os primeiros passos para retomar uma tradição desse lugar do concelho do Cartaxo. No Domingo Gordo cerca de 220 pessoas participaram num almoço que visou angariar dinheiro para a organização dos festejos anuais que vão decorrer em Junho. A comunidade está feliz por voltar a ver a sua terra em festa.

À entrada do salão de festas do Centro Cultural Recreativo Amendoeirense (CCRA) está, do lado direito, a cozinha improvisada. Uma dúzia de panelas grandes contêm o cozido à portuguesa que Guilhermina Mendes confeccionou com a ajuda da “sua equipa maravilhosa”, como lhes chama. Vestida com uma t-shirt azul e avental preto já consegue descansar um pouco depois da azáfama de servir o almoço. O cozido à portuguesa foi preparado de véspera e na manhã de 11 de Fevereiro as cozinheiras terminaram o serviço.
No Domingo Gordo [domingo de Carnaval] a Comissão de Festas dos Casais da Amendoeira, lugar da freguesia de Pontével, concelho do Cartaxo, realizou o evento a que deu o nome Domingo Gordo. Cerca de 220 pessoas juntaram-se para almoçar cozido à portuguesa, servido por elementos da comissão de festas. “O segredo para tudo correr bem é a organização. Estou muito satisfeita porque muitas pessoas vieram ter comigo para me dar os parabéns pois gostaram da comida. Não há maior elogio do que valorizarem o nosso trabalho”, explicou Guilhermina Mendes, 67 anos, a cozinheira oficial da Comissão de Festas de Casais da Amendoeira.
Para animar a tarde de convívio houve música e leilões. Tudo para angariar dinheiro para fazer renascer as Festas de Casais da Amendoeira em honra de Nossa Senhora da Paz, que não se realizam desde 2019. A pandemia e a falta de disponibilidade das pessoas fizeram com que houvesse esta pausa. Em Agosto de 2023 Jorge Batista, o presidente da Comissão de Festas, num almoço de amigos, foi desafiado para retomar as festas da terra. “Na altura apertamos as mãos, fizemos essa promessa e cá estamos a cumpri-la”, afirma Jorge Batista, de 56 anos, a O MIRANTE.
Jorge Batista começou por convidar pessoas que andaram consigo na escola assim como os filhos dos fundadores da CCRA. A Comissão de Festas de Casais da Amendoeira conta com cerca de 35 elementos, entre os 18 e os 63 anos. “Quisemos que a organização tivesse uma faixa etária alargada para chegarmos a diversos públicos. A comunidade está entusiasmada e feliz por estarmos a recuperar a tradição”, sublinha.
O Domingo Gordo foi o primeiro evento que a comissão vai organizar até às festas que vão decorrer de 28 a 30 de Junho. A 24 de Março há a Festa das Sopas, seguindo-se, a 4 de Maio, o moto-churrasco. A comissão de festas foi também convidada pela Junta de Freguesia de Aveiras de Baixo para participar nas tasquinhas das Festas de Azambuja, que vão decorrer entre 23 e 28 de Maio.
Jorge Batista garante que está praticamente tudo pronto para as festas, que vão ter missa, procissão e muita animação musical assim como fogo-de-artifício. Até lá querem conseguir o máximo de patrocínios para pagar as despesas e começar a pensar na do próximo ano. No Domingo Gordo conseguiram angariar mais de dois mil euros, o que, para Jorge Batista, é muito bom.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1659
    10-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1659
    10-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo