Cultura | 17-04-2024 21:00

Alverca volta a unir bairros e gentes da freguesia com programa cultural e desportivo

Alverca volta a unir bairros e gentes da freguesia com programa cultural e desportivo
Leonor Dias, vocalista dos By The Way, abriu o programa “Descentralidades”. Apesar de ser natural do Bom Sucesso nunca tinha actuado em Alverca

“Descentralidades” é agora uma marca registada da junta de freguesia e vai oferecer meia centena de eventos para todos os gostos em todos os bairros de Alverca e Sobralinho entre Abril e Outubro.

É uma “feliz coincidência” que nos 50 anos da Revolução dos Cravos a União de Freguesias de Alverca do Ribatejo e Sobralinho tenha incluído meia centena de eventos no programa da terceira edição do “Descentralidades”. É um programa cultural e desportivo que visa unir as gentes e todos os bairros do Sobralinho e de Alverca entre Abril e Outubro. O evento tem corrido tão bem que para esta terceira edição a junta de freguesia registou a marca e o logótipo para permitir que, no futuro, a junta de freguesia possa continuar a desenvolver o programa sem correr o risco de haver uma apropriação do nome.
“Queremos com este programa dizer que todas as pessoas são bem recebidas nos diferentes bairros e queremos levar até todas elas espectáculos e actividades que nos unam. Foi esse o objectivo inicial do programa e continua a sê-lo”, explica a O MIRANTE o presidente da União de Freguesias de Alverca do Ribatejo e Sobralinho, Cláudio Lotra.
Exposições, concertos, exibição de filmes, treinos de corrida, zumba, espectáculos musicais, noites de fados, vendas de garagem, festivais de folclore, espectáculos de dança inclusiva e até um encontro coral ibérico estão em agenda. “É uma feliz coincidência que nos 50 anos de Abril apresentemos um programa com meia centena de actividades. Tem um grande simbolismo. Escolhemos esta altura do ano, entre Abril e Outubro, porque muitas das actividades programadas serão ao ar livre”, explica Cláudio Lotra.
Outro dos destaques está agendado para 13 de Abril às 22h00, um concerto dos UHF no Centro Cultural do Bom Sucesso, onde também decorreu na noite de 5 de Abril o espectáculo de apresentação do “Descentralidades”, com a banda jazz “By The Way”, liderada por Leonor Dias, fotógrafa de profissão e filha da terra que nunca tinha actuado na sua cidade. “É um enorme gosto e privilégio estar a cantar rodeada de amigos e família. Até vejo ali a minha professora primária”, brincou Leonor Dias perante os aplausos de uma actuação que incluiu temas de, entre outros, Nina Simone ou Ella Fitzgerald.
O programa “Descentralidades”, recorde-se, valeu à junta de freguesia a conquista do prémio Autarquia do Ano em 2023, na categoria cultura e património, pela Lisbon Awards Group, uma entidade privada que visa homenagear os municípios e freguesias que se destacaram em diversas áreas pelas suas práticas inovadoras e de gestão rigorosa do interesse público. Também o Museu do Neo-Realismo, propriedade do município de Vila Franca de Xira, recebeu o grande prémio da iniciativa na sub-categoria de conservação do património. “A primeira edição em 2022 foi um projecto-piloto mas correu muito bem e isso levou-nos a continuar com o programa. As expectativas para este ano são sempre grandes, da junta e dos parceiros”, notou Cláudio Lotra. O MIRANTE é media partner da edição deste ano.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo