Desporto | 03-04-2024 21:00

Atletas do Juventude Almansor conquistam medalhas com dedicação e disciplina

Atletas do Juventude Almansor conquistam medalhas com dedicação e disciplina
Atletas do Juventude Desportiva Almansor têm conquistado campeonatos regionais

Juventude Desportiva Almansor continua a apostar na formação e esta época já arrecadou 10 títulos regionais em atletismo. Jovens disciplinados treinam todos os dias para superar recordes pessoais e garantir as melhores marcas para estarem no topo a nível nacional.

Os atletas do Juventude Desportiva Almansor (JDA), de Benavente, continuam a destacar-se nas provas a nível regional e nacional de atletismo. Os treinos exigentes, a dedicação à modalidade e o foco nos objectivos têm levado os desportistas cada vez mais longe. O clube, fundado em 2006, tem nesta época 55 atletas federados e mais quatro que começaram a treinar recentemente.
No ano passado o JDA alcançou cerca de 30 títulos regionais e este ano já vai com 10. Um deles foi conquistado por Rafael Pereira, 20 anos, que venceu o Campeonato Regional de Lançamentos Longos, no lançamento do disco. O atleta está qualificado para o Campeonato Nacional sub-23 ao bater o seu recorde pessoal. A estudar no 3º ano de Ciências Biomédicas Laboratoriais, em Coimbra, treina sozinho de segunda a sexta-feira e às vezes aos sábados.
Rafael Pereira conta a O MIRANTE que começou a treinar no clube pela mão de um amigo e depois ganhou o gosto. Começou a melhorar a condição física, perdeu os quilos que tinha a mais e começou a ver resultados. Para trás ficaram as artes marciais, a natação e a banda filarmónica. Este ano o atleta quer continuar a bater recordes pessoais e ficar no topo dos cinco melhores a nível nacional. Para o conseguir raramente se deita tarde e a más horas, mas de vez em quando sai para beber um copo com os amigos.
Aos 15 anos Matilde Ferreira ganhou a medalha de prata no Campeonato Regional de Corta-Mato longo. Treina no JDA há sete anos e rapidamente começou a levar os treinos a sério. “O atletismo ajuda-me a tomar decisões importantes e a ter disciplina. Além de ter trazido pessoas muito importantes para a minha vida como a minha colega Daniela e o treinador”, conta. Focada em participar nos campeonatos nacionais, Matilde sublinha a competição saudável que existe na região, com bom ambiente e amizade entre adversárias.
Daniela Inácio, 18 anos, sagrou-se em Fevereiro Campeã Regional de Corta-Mato longo na categoria de juniores. Treina todos os dias para atingir o top 10 nacional e considera que os objectivos desportivos compensam o sacrifício de dizer não aos amigos. O irmão, Rafael Inácio, 13 anos, ficou em 1º lugar na categoria de iniciados no mesmo campeonato.
Raquel Rodrigues, 15 anos, começou a treinar a sério há ano e meio. Quando experimentou o lançamento do martelo dedicou-se e melhorou a técnica, além de reforçar o trabalho de pernas no ginásio. A meta é atingir os 40 metros de marca e depois disso ir cada vez mais longe. No lançamento do disco está Beatriz Francisco, 16 anos, que no ano passado fez a terceira melhor marca a nível nacional.
O JDA tem a funcionar um pólo em Santo Estêvão e alguns atletas de Foros de Almada podem treinar no espaço cedido pelo Clube de Futebol Estevense. Mas a maioria treina no Complexo Desportivo dos Camarinhais, em Benavente. Quando entram para o clube, a partir dos cinco anos, os atletas passam por todas as disciplinas do atletismo. Fazem uma preparação geral pelos lançamentos, saltos, corridas de velocidade, barreiras e resistência. Depois, conforme a sua aptidão, são direccionados para determinadas disciplinas. Mas o importante é primeiro divertirem-se e depois chegam os resultados.

Atletas ‘voam’ para outros clubes
Daniel Inácio, 44 anos, ex-atleta, foi um dos fundadores do JDA. Como treinador dedica-se a formar campeões. “Para nós não é fácil passar deste patamar porque trabalhamos com juniores de 1º e 2º ano. Temos dois atletas sub-23 porque a maioria sai daqui para estudar ou trabalhar. E os clubes com outro poderio económico levam os atletas quando são mais velhos. Como treinador estou conformado e a direcção sabe que somos um clube de formação”, diz.
Ainda assim, o técnico admite ficar triste quando trabalha seis ou sete anos com um atleta que depois sai para outro clube. Mas é o próprio que os aconselha a darem o salto. “Já aconteceu no ano em que eles passam para outros clubes serem atletas internacionais, mas nós sabemos que a internacionalização tem o nosso cunho. A atleta que saiu para o Sporting, e que ficou em segundo lugar no campeonato nacional de lançamentos longos de Inverno, mandou-me uma mensagem a dizer que o título também me pertencia. Ficam todos com grande amizade aos treinadores”, afirma.
No atletismo não se obtêm resultados sem trabalho de ginásio onde se trabalha a força. Todos passam por esse processo para fazer reforço muscular e evitar lesões. Os juniores e os sub-23 treinam todos os dias nos Camarinhais. Os atletas entre os 12 e os 13 anos treinam entre três a quatro vezes por semana.
Daniel Inácio elogia as boas condições de treino e instalações desportivas. Mais de 60% dos clubes do país não têm espaço para fazer lançamentos. O complexo dos Camarinhais tem uma zona à parte que permite os atletas lançarem todos os dias. “Os meus atletas são uns privilegiados. A pista é boa e tem quatro corredores e um bom sistema de drenagem que em dias de chuva não fica alagada. Temos mais quatro caixas de saltos e a Câmara de Benavente todos os anos nos vai equipando”, descreve.

A vida social não pode descambar

Para ser um bom lançador é preciso trabalhar e ter talento. Mas a disciplina não pode falhar. A vida social não pode descambar, segundo o treinador, porque os atletas têm de descansar e dormir bem. Mas é uma questão de equilíbrio. Fora das épocas mais competitivas Daniel Inácio prefere que os jovens socializem e vão a uma ou outra festa. Brevemente o JDA começa a treinar os velocistas e as atletas de salto e barreiras para participarem nas competições de Verão.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo